terça-feira, 26 de agosto de 2008

Carta do Leitor

Agradecemos as palavras de incentivo do professor Serginho, que
participa ativamente do Blog.

---------- Forwarded message ----------
From: antoniosergio.moreira <antoniosergio.moreira@bol.com.br>
Date: 2008/8/26
Subject: Comentários sobre o blog
To: "contato@blogfariasbrito.com" <contato@blogfariasbrito.com>

Desde o dia que por acaso descobrí o blog de Farias Brito que o
consulto diariamente; sinceramente eu ainda não tinha visto nada
parecido (em matéria de blogs), é um site rico, cheio de informações,
cultura, entretenimento, imagens, é altalmente ético e democrático, é
também uma forma de manter as tradições regionais e de manter viva a
memória do povo desta terra;como fariasbritense que sou, mas morando
no Marnahão a 11 anos, é uma oportunidade para aliviar a saudade da
"terrinha", que o diga todos os fariasbritense que moram em tantos
lugares longíngos (São Paulo, Roraima, Amapá..), nota 10 para todos
que fazem o blog Farias Brito, voçês estão fazendo diferença.


Antonio Sérgio (serginho) - Codó/MA.

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Lançamento: A História da Escola Agrotécnica Federal de Codó - MA: Memórias de um Professor

O fariasbritense Antonio Sérgio M. dos Santos, professor da Escola Agrotécnica Federal de Codó/MA, que mora na cidade de Codó - Maranhão há 11 anos está lançando o Livro: A história da Escola Agrotécnica Federal de Codó/MA: memórias de um professor.

É com muito orgulho que o Blog Farias Brito divulga o trabalho de inúmeros fariasbritenses talentosos Brasil a fora. Veja a apresentação do livro abaixo:

Apresentação do livro do profº Serginho:

O livro “A história da Escola Agrotécnica Federal de Codó/MA: memórias de um professor” é resultado de um trabalho literário do profº de história da Escola Agrotécnica Federal de Codó Antonio Sérgio M. dos Santos (conhecido como profº Serginho), é um registro dissertativo dos principais fatos ocorridos na Escola desde sua inauguração ou efetividade de suas funções administrativas e pedagógicas datadas entre abril de 1997 a junho de 2008; é uma oportunidade dos leitores conhecerem toda a trajetória da magnífica Escola Agrotécnica, como também relembrarem (no caso dos servidores e ex. alunos) os fatos que marcaram a trajetória da referida Escola. É um reconhecimento dos agentes históricos (servidores, alunos, sociedade civil, representantes políticos) que contribuíram (direta ou indiretamente) para a concretude da operacionalidade da Escola Agrotécnica.

É um livro de leitura leve, recheado de informações, fotos e relatos que constituem a memória e identidade Institucional. È oportuno à leitura desse livro para todos aqueles que participaram direta ou indiretamente dessa história, é, portanto um legado cultural a Instituição e a própria comunidade codoense; é uma apologia ao trabalho a dignidade e responsabilidade social que a Escola Agrotécnica Federal de Codó/MA tem prestado durante todo o seu percurso, no cumprimento de sua maior missão: educar e preparar seu alunado para atuarem no mercado de trabalho e na sociedade como verdadeiros profissionais e cidadãos conscientes do seu papel social.

Universidade Federal do Ceará terá campus na região do Cariri


Para permitir o acesso a uma educação superior de qualidade à população da região do Cariri, no sul do Ceará, foi inaugurado nesta quarta-feira (20), em Juazeiro do Norte, o campus do Cariri da Universidade Federal do Ceará (UFC). Na primeira fase, o campus oferecerá os cursos de agronomia, engenharia civil, administração, biblioteconomia, filosofia e nutrição, cada um com 40 vagas. A partir de 2009, serão oferecidas, por ano, 240 vagas. Pelo menos metade destinada a cursos noturnos, em atenção aos alunos que precisam trabalhar para ajudar na renda familiar. Ao fim da implantação do campus, serão 1.360 alunos. O investimento total é de R$ 10,8 milhões.

Os prédios inaugurados compõem a primeira etapa das edificações no campus. Os blocos têm salas de aula, laboratórios de informática, química, física, materiais e microbiologia, biblioteca com acervo de 3,2 mil obras, gabinetes de professores, salas da diretoria e dos coordenadores de cursos e cantina. As obras, concluídas em junho, totalizam 1.640 quilômetros quadrados de área construída.

A segunda etapa deve ser entregue em outubro. Os prédios abrigarão mais salas de aula, três laboratórios, auditório com capacidade para cem pessoas, salas de videoconferência e para grupos de pesquisa. As obras da terceira etapa devem ser iniciadas em janeiro de 2009. A área total a ser ocupada pelo campus é de 23 hectares.

Novos cursos — Com a adesão ao Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), aumentou o número de cursos a serem ofertados no campus. Entre 2011 e 2012, serão implantados, segundo as previsões, os de engenharia agrícola e ambiental, agronegócio, sistemas de informação, ciências da computação, engenharia mecânica, produção joalheira e gestão ambiental, com 50 vagas cada um. O número de alunos previstos para 2017 é de três mil.

A Universidade Federal do Ceará tem outros cinco campi — Benfica (sede), Pici e Porangabuçu, em Fortaleza; Sobral e Quixadá. O campus do Cariri também tem unidades em Barbalha, onde funciona o curso de medicina, e no Crato, em que será oferecido o curso de agronomia.
Mais oportunidades para jovens do sertão cearense


É o caso de Antônio Agnaldo Neves, estudante de engenharia civil do campus do Cariri da Universidade Federal do Ceará (UFC). Natural do município cearense de Campos Sales, Neves mudou-se para Juazeiro do Norte, distante 150 quilômetros, para ingressar na educação superior pública. Seu desejo profissional é tornar-se professor e pesquisador da própria UFC.
“Sempre sonhei em cursar uma instituição superior. Assim que concluí o ensino médio, soube da vinda de um campus da UFC aqui para o Cariri. Decidi vir logo. Se não fosse assim, eu teria de ir para Fortaleza, e seria tudo mais difícil”, conta o estudante. Filho único, Neves busca o crescimento profissional para ajudar os pais, aposentados, na renda familiar. O estudante pretende, assim que se formar, fazer cursos de mestrado e, em seguida, de doutorado.
A vontade de seguir a carreira acadêmica também move Amanda Medeiros. Aos 20 anos, a estudante do terceiro semestre de administração planeja fazer curso de mestrado assim que concluir a graduação. “O campus do Cariri facilitou meus planos. Provavelmente, eu não teria condições de ir para a capital, entrar na universidade federal e fazer o curso que eu queria”, diz.

Qualificação — O professor José Valmir Feitosa, do curso de agronomia, acredita que as empresas privadas também venham a se beneficiar da mão-de-obra qualificada formada no campus do Cariri. “Na minha área, por exemplo, a região tem empresas de fruticultura, floricultura e pecuária leiteira em plena expansão. Os alunos de hoje, futuros profissionais, contribuirão ainda mais para esse desenvolvimento.”

Para o diretor do campus, Antonio Nunes de Miranda, a presença da universidade na região vai fazer a diferença na vida desses jovens e no próprio crescimento econômico. “A universidade tem um potencial de mudança. O desenvolvimento socioeconômico da região é um dos objetivos da implantação do campus aqui no Cariri, mas o principal é a felicidade das pessoas em aperfeiçoar seu conhecimento”, acredita.

Na visão do diretor, o ensino, a pesquisa e a extensão proporcionados pela universidade têm efeito multiplicador de talentos profissionais para a região. Por isso, a UFC propôs em seu plano de trabalho a criação de 15 programas de pós-graduação. “No ensino, vamos reunir estudantes de cerca de 90 municípios. Na pós-graduação, pretendemos ter pessoas de todo o país”, ressalta.
A implantação de um campus de uma universidade federal no Cariri deu aos jovens do interior cearense uma nova perspectiva. Antes, a vontade era sair do sertão em busca de melhores condições de vida. Agora, muitos planejam ficar e ajudar no desenvolvimento da região.

Fonte: Pravda

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

ENCONTRO DAS SEIS IRMÃS




As irmãs Nilziê, Audieux, Lucineide, Irene, Lisieux e Lucinda se encontraram na cidade de Farias Brito.

Filhas de Belo Lino e Belinha nasceram todas no Sítio Lagoa de Dentro neste município.

2 ( Irene e Lisieux) residem em Farias Brito, 3 (Nilziê, Audieux e Lucineide ) no Crato e uma (Lucinda) em São Paulo.

Para comemorar importante encontro ocorreu almoço na residência de Isaú Duarte Leite ( esposo de Irene ) do qual participaram parentes e convidados.

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Procura por parentes

Quem souber da informação abaixo favor entrar em contato com a Andreia:
Andreia F. N. de Lima - 11 9298 6625 - e-mail: andreiafvida@yahoo.com.br.

Segue abaixo a mensagem enviada por Andreia:

---------- Forwarded message ----------
From: andreia francisca nascimento de lima <andreiafvida@yahoo.com.br>
Date: 2008/8/16
Subject: Ajuda!!!!!Procuro meus avós que moram no Crato.
To: contato@blogfariasbrito.com


Boa noite Farias e demais responsáveis por este Blog,
 
 
Me chamo Andreia Francisca Nacimento de Lima, filha de Edmilsom de Lima, tenho 25 anos e resido em São Paulo. Desejo localizar parte de minha família que reside na cidade do Crato. São eles meus avós paternos: Mauro Villanova de Lima e Maria Firmina de Lima.
A bastante tempo tenho sofrido, pois além de não ter contato com meu pai biológico, não conheço meus avós, tios e primos.
Aproveito a oportunidade para solicitar ajuda deste blog tão sério para localizá-los.
Espero que possam colaborar com minhas buscas.
Serei eternamente grata.
 
Andreia F. N. de Lima - 11 9298 6625 - e-mail: andreiafvida@yahoo.com.br.

sexta-feira, 15 de agosto de 2008

FALECEU VEREADOR NENEN ANTERO


Faleceu no Hospital de Farias Brito, as 18 horas deste dia 15 de agosto, o Vereador FRANCISCO BEZERRA DA SILVA, NENEM ANTERO, que concorria a 5ª reeleição com o nº 17655 pelo Partido Social Liberal (PSL) da COLIGAÇÃO TRABALHO E CREDIBILIDADE .
Nenen Antero nasceu em 28/01/1963 neste município de Farias Brito e desde 1993 exercia o cargo de Vereador na Câmara Municipal. No biênio 2003/2004 foi Presidente da Câmara
Sua maior votação era da Serra do Quincuncá, lugar que defendia com muito amor.
A comunidade de Farias Brito se solidariza com a perca do edil que durante 16 anos esteve à frente da comunidade serrana.

terça-feira, 12 de agosto de 2008

Atrações, Premiação, Valor das Senhas e o Cartaz da XIX Grande Vaquejada de Farias Brito

XIX GRANDE VAQUEJADA DE FARIAS BRITO
Te vejo lá! Tchê, tchê, tchê, tchêêê...
De 18 a 21 de Setembro de 2008
R$ 21.000,00 em prêmios e troféus

Valor da senha casadinha: R$ 350,00

 Premiação:
1º Lugar: Uma Moto Honda Fan 0 Km
2º Lugar: R$ 2.000,00
3º Lugar: R$ 1.500,00
4º ao 15º Lugares: R$ 800,00

Atrações:

Dia 18/09/2008 (quinta-feira):
Aviões do Forró
Arreio de Ouro & Buscapé
Caninana do Forró
Dia 19/09/2008 (sexta-feira):
Joãozinho do Exú
Fran e Felix
Banda Fogo e Paixão
Dia 20/09/2008 (sábado):
Forró Namoro Novo
Canários do Reino
Viola: A explosão das vaquejadas

Dia 21/09/2008 (domingo):
Forró do Muído
Forró do Kqueado
Caninana do Forró
Visite o site da Vaquejada de Farias Brito para mais informações:

 
 
 
  
  
  
  
  
  
 

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Está procurando uma postagem antiga?

Use a ferramenta de pesquisa do Blog Farias Brito, que fica ao lado na lateral do site, ou vá até o final da página e clique no link Postagens mais antigas.

terça-feira, 5 de agosto de 2008

FREI OLIVIER EM FARIAS BRITO

Frei Olivier

Frei Olivier e Padre Coringa


Fei Olivier que é Fariasbritense, nascido no Sítio Carás, filho de Miguel Aurélio de Alcantara e Marlene Manacês de Alcantara e reside na cidade de Iterbo, Itália, encontra-se na terra natal.

Frei Olivier faz parte da Ordem Franciscana Juvenato e cuida de uma Paróquia em Iterbo.

A ordenação prebiteral foi em 31 de julho de 1997 na Paróquia de N. Sra. da Conceição em Farias Brito.

A primeira Missa ocorreu na Capela de São João Batista e São Pedro de Alcântara, no Sítio Carás, município de Farias Brito.

Neste último dia 31 de julho foi comemorada a data de 11 anos de Ordenação com celebração na Paróquia de N. Sra. da Conceição.

Além do Padre José Coringa, vigário local, estiveram presentes parentes e amigos do Frei.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

A TODOS OS PAIS DO MUNDO

Pai estou aqui,
Talvez um pouco atrasado é verdade,
Para te falar, o que eu deveria ter falado,
Há muito tempo atrás e faltou coragem.
Gostaria de falar olhando nos olhos
E por não consegui, escrevi esta mensagem.

Vamos voltar ao passado.
Juntos. Eu e você.
Não é o senhor aquele homem forte?
Que falava que homem não chora?
Mas vibrou quando minha mãe
Descobriu que estava grávida e foi te dizer?
E chorou de emoção ao me ver nascer?

Que pulou de alegria?
E falou aos amigos:
Hei, meu filho nasceu, vai lá ver.
Pôs-me na escolha, cuidou de mim,
Me deu a vida.
Guiou os meus passos e me ensinou a viver.
À noite quando chegava cansado do trabalho
Ia ao meu quarto.
Acariciava-me, e dizia baixinho: filho amo você!

Mas eu cresci pai, e as palavras sumiram...
O amor continua, eu sei,
Mas nunca mais te ouvir dizer,
Aquelas palavras mágicas...
Filho eu amo você.
Eu sei pai, também estou te devendo isto:
Um abraço, um carinho...
E falar a magia daquelas palavras para você.

Hei pai não chores, chegou à hora.
Na verdade já passou da hora, mas vou te dizer.
Os seus cabelos podem está grisalhos pelo tempo,
Mas o amor se renova, ele nunca vai envelhecer,
Por isso pai quero gritar bem alto ao mundo:
Pai vem cá, vem meu amigo,
Vem me dá um a braço eu amo você.

Francis Gomes

Bolsas beneficiam jovens de Farias Brito


De férias no Cariri, bolsistas do governo cubano reconhecem que Medicina é um serviço em benefício à comunidade

Estudantes Anderson Soares, Alfredo Leite, Erivaldo Rodrigues e Cícero Erisvaldo Belarmino beneficiados com a bolsa de estudos para Medicina, em Cuba (Foto: Antônio Vicelmo)

Farias Brito. O sonho de quatro jovens pobres da zona rural e periferia de Farias Brito em serem médicos está se tornando realidade. Os estudantes Alfredo Leite Macedo Filho, Erivaldo Rodrigues de Alencar, Anderson Soares Macedo e Cícero Erisvaldo Belarmino estão de férias no Cariri revivendo uma aspiração que nem eles acreditavam. Os quatro estudam na Escola Latino-Americana de Medicina de Cuba. Para eles, que foram criados no cabo da enxada, sem perspectiva de cursar uma faculdade, o médico era um espécie de semi-Deus. “Depois de um temporada em Cuba, os jovens caririenses voltaram conscientes de que a medicina é um instrumento de prestação de serviço à comunidade”, diz o professor Eldinho Pereira, responsável pela descoberta do caminho que levaria os jovens a estudar em Cuba.

Eldinho conta que em dezembro de 2002, o governo cubano disponibilizou dez bolsas de estudo para jovens com procedência rural ou família de baixa renda. Esses ingressariam na “Escuela Latino Americana de Ciencias Medicas” (ELACM), conhecida por aqui como Universidade Latino-americana de Medicina. Das dez bolsas disponíveis para o Brasil, cinco eram destinadas a homens e cinco a mulheres, sendo quatro para os jovens de Farias Brito. Para participar da seleção, os pretendentes deveriam atender às condições previamente estabelecidas pelas instituições envolvidas. Os interessados deveriam ter até 25 anos, Ensino Médio concluído, bom estado de saúde, certificado negativo de antecedentes penais, procedência rural ou baixa renda.

Exemplo de luta

Os quatro jovens de Farias Brito estavam enquadrados no perfil exigido pelo edital. Um deles, Cícero Erisvaldo Belarmino, tinha uma história marcada pelo sofrimento e espírito de luta. Nascido nos confins da serra do Quincuncá, a mais de 30km de Farias Brito, Erisvaldo perdeu o pai vítima da Doença de Chagas e um irmão vítima de Leucemia. Trabalhou em uma serraria. Sofreu acidente de trabalho, o que ocasionou a perda de um dedo da mão.

Mesmo assim, Erisvaldo passou em dois vestibulares da Universidade Regional do Cariri (Urca). Era um dos melhores alunos do Curso de Economia. Quando o professor Edinho lhe falou sobre a possibilidade remota de fazer medicina em Cuba, Erisvaldo não mediu conversa. Vendeu uma moto, única herança que seu irmão lhe deixou e com o dinheiro preparou a documentação para se submeter aos testes e viajar.

De volta ao Cariri, em companhia de outros conterrâneos, que estudam na mesma universidade, Erisvaldo não esconde a timidez. Na serraria, onde trabalhou, com o barulho das máquinas, ele aprendeu mais a ouvir do que a falar. Em Cuba descobriu que o médico não é um ser extraordinário, como imaginava. É um missionário a serviço da comunidade. Com esta visão, ele pretende voltar ao Cariri, junto com os companheiros, a fim de prestar a assistência que ele não teve naquela época em que perdeu o pai e o irmão. Para Alfredo Leite, primeiro selecionado pelo projeto, a permanência em Cuba contribuiu para fortalecer a sua convicção de que todos os homens são iguais.

Quando jovens terminarem os estudos, os jovens terão outro desafio: revalidar o diploma. O Conselho Federal de Medicina manifesta-se contra o projeto no Congresso, para facilitar o reconhecimento dos diplomas de medicina obtidos em Cuba por brasileiros.

Cooperação

Cuba manteve uma atitude solidária, desinteressada e de cooperação com os países do Terceiro Mundo na formação de técnicos e profissionais, chegando nos anos 80 a ser o país com mais alto per cápita de bolsistas estrangeiros. Apesar das difíceis condições impostas pelo Período Especial se deu continuidade, ainda que em escala menor, ao programa de bolsas. As bolsas compreendem alojamento, alimentação e estudos gratuitos.

Mais informações:
Bolsa de Estudos em Cuba
Eldinho Pereira da Silva
Rua Marcos Macedo, 187
(88) 3523.7347
www.embaixadacuba.org.br
ANTONIO VICELMO
Repórter

domingo, 3 de agosto de 2008

Confirmadas mais atrações para a Vaquejada de Farias Brito 2008

Já estão confirmadas para a XIX Grande Vaquejada de Farias Brito as seguintes atrações:
  • Aviões do Forró
  • Arreio de Ouro & Buscapé
  • Caninana do Forró
  • Forozão Medalha de Ouro
  • Canários do Reino
  • Namoro Novo
  • Viola a Explosão das Vaquejadas
  • Forró do Muído
  • E atrações locais... 



O pacote de ingressos para todos os shows custará R$ 40,00 e estará à venda em breve na INFOCUS.COM.

Aproveite e visite o site da Vaquejada:
http://www.vaquejadafariasbrito.com.br