domingo, 28 de junho de 2009

A água: questão de segurança nacional

 

Duas questões são fundamentais serem discutidas em todos os foros para decisão urgente urgentíssima sobre o futuro do ser humano em nosso planeta: os resíduos sólidos e a água.

 

Estes dois problemas serão protagonistas de embates bélicos num futuro bem próximo tendo em vista que os governos e a sociedade, neste momento, não esta nem aí para este gravíssimo imbróglio.

 

A água existe em abundância na natureza, porém apropriada para o consumo se tem apenas 3%. O Brasil é detentor de 16% deste manancial de água potável. Nenhum outro país tem este potencial.

 

Seu fim já está traçado desde que o ser humano aqui chegou. Poderíamos usá-la por mais tempo. No entanto seu manuseio indiscriminado e sem um critério mínimo está acelerando esta catástrofe. Na Amazônia legal encontra-se a grande maioria deste líquido precioso. E nada ou quase nada está sendo feito para desacelerar este desastre.

 

ONGs e Governos estrangeiros estão ocupando as terras ricas em água e minérios com a bandeira da preservação da natureza, e a sociedade civil, política e militar brasileira assistindo calada e tranqüila o desenrolar desta ocupação "pacífica e ordeira".

 

A mídia nacional e internacional esbraveja aos quatro ventos sobre as sandices do presidente norte-coreano Kim Jong-il no que tange ao seu afã de possuir armas de destruição em massa. Da mesma maneira tratam o presidente reeleito do Irã Mahmoud Ahmadinejad quando este deixa transparecer a mesma intenção.

 

Não se entende por qual motivo o nosso país não está fazendo o mesmo. Onde já se viu defender-se desarmado? Como atirar de espingarda em quem está munido de AR15 ou M16 ou AK47? As Forças Armadas Brasileiras estão aos frangalhos quando leva-se em consideração o patrimônio nacional sob sua responsabilidade.

 

A água que é o nosso principal produto de reserva estratégica precisa de proteção. E para que isso ocorra necessário se faz uma revisão urgente da política de defesa nacional. Não adiantará chorar o leite derramado. O médico e presidenciável Enéas Carneiro pregava isto em 1989. Há 20 anos.

 

Ou faz-se algo rápido, sem titubeio, ou o Brasil não chegará nunca a ser o país do presente. Continuará sendo o país do futuro como profetizou o presidente Charles de Gaulle nos anos 50. Os amigos de hoje podem não ser os do futuro. Lembrar o tratamento dado a Saddam Hussein, em épocas diferentes, nunca é demais.

 

Arimatéia Macêdo – www.arimateia.com

Programação de Julho: Centro Cultural Banco do Nordeste-Cariri


CENTRO CULTURAL BANCO DO NORDESTE

Rua São Pedro, 337 - Centro - Juazeiro do Norte - Ceará - CEP: 63010-010
Fone (88) 3512.2855 - Fax (88) 3511.4582

ENVIE SUA MENSAGEM <mailto:cultura@banconordeste.gov.br>  - VISITE NOSSA HOMEPAGE <http://www.banconordeste.gov.br/cultura>

cultura@bnb.gov.br <mailto:cultura@bnb.gov.br>  - www.bnb.gov.br/cultura <http://www.bnb.gov.br/cultura>



AGENDA JULHO 2009














ARTES CÊNICAS



ATO COMPACTO



Teatro



O Mistério da Cascata

Grupo Parque de Teatro (Aquiraz - CE)

Dias 15, qua, 16, qui e 17, sex, 19h30

Dia 18, sáb, 19h - Apresentação em Nova Olinda-CE[1]

Uma comédia de humor negro com todos os ingredientes de um conto de fadas. Inspirada nos filmes de terror e suspense "O Mistério da Cascata" é uma sátira composta por todos os clichês necessários. Conta a história de uma família que perde toda sua fortuna por meio da hipoteca e para ter seus bens seguros a jovem donzela terá que casar com o galã da história, mas uma terrível bruxa fará tudo para destruir esse casamento e impedir que um grande mistério seja revelado e a paz possa reinar. Direção: Silvero Pereira Classificação Indicativa: 12 anos. 60min.





No Caminho... Sem Pressa

Cia. Domínio (Natal-RN)

Dias 23, qui, 24, sex, 25, sáb e 26, dom,19h30

O espetáculo é baseado na obra Vidas Secas de Graciliano Ramos. Tem como pano de fundo a energia e a diversidade corporal e cultural do povo nordestino, fazendo a mente buscar idéias, movimentos para a mistura, ritmos, técnicas e músicas. Direção: Ana Thereza Miranda. Classificação Indicativa: 12 anos. 60min.





TROCA DE IDÉIAS



Bate Boca em Cena Cariri

Dia 31, sex, 18h

Com o intuito de provocar uma discussão sobre a produção cultural no Cariri, o evento será um momento de celebração de atores, produtores, encenadores e técnicos teatrais para exposição de idéias concernentes ao processo de desenvolvimento do fazer teatral no Cariri. 90min.





CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE



Cursos



Raízes da Tradição Cômica Popular no Teatro de Ariano Suassuna

Instrutor: Fernando Lira (Fortaleza-CE)

Dias 29, qua,  30, qui, e 31, sex, 15h

Introduzir os aspectos estruturais da tradição cômica popular. Identificar as situações cômicas que caracterizam este gênero popular nas peças Auto da Compadecida, O Santo e a Porca, A Pena e a Lei e A Farsa da Boa Preguiça. Situar a comédia popular de grupos teatrais no contexto atual, através de leituras de peças e recursos audiovisuais. Inscrições: a partir do dia 07 de julho na recepção do CCBNB - Cariri. Vagas: 40. 12 horas/aula.



ARTES VISUAIS



ARTES VISUAIS



Exposições



Mestres do Artesanato

Período: Permanente

O diálogo com a natureza é expresso nas imburanas esculpidas por artistas como Manoel Graciano, Zé Celestino e Perpétua, que criam um novo olhar do mundo, a partir do seu imaginário e da simplicidade dos elementos com os quais compõem suas esculturas.





Espaço Mestre Noza

Período: Permanente

O CCBNB homenageia Inocêncio da Costa, o Mestre Noza, com um espaço expositivo contendo 59 estatuetas de vários santos e um álbum com 15 gravuras, intitulado: "Via Sacra". Todas as obras expostas são do acervo particular do historiador Renato Casimiro.





Vestidas de Branco

Artista: Nelson Leirner

Curadoria: Moacir dos Anjos

Abertura: 14 de julho de 2009, 19h

Período: 14 de julho a 28 de agosto de 2009, 5° andar

O tema da exposição Vestidas de Branco trata da visão singular que o artista Nelson Leirner lança ao mundo. Olhar que é ao mesmo tempo amoroso e crítico. O humor é que predomina nas criações do artista e é ele quem as faz originais e potentes. Pode-se dizer que o artista cria 'brincadeiras' que atingem e ativam a consciência do público, levando-o a refletir sobre os modos de convivência com seus semelhantes.





Imprensa Centenária

Curadoria: Renato Casimiro e Daniel Walker

Mesa Redonda: 18 de julho, 17h30*

Abertura: 18 julho de 2009, 19h

Período: 18 de julho a 30 de agosto, 4º Andar

A Exposição procura fazer uma retrospectiva da imprensa juazeirense no seu primeiro centenário, entre 1909 e a presente data. São apresentadas as primeiras páginas de quase todos os primeiros números dos diversos títulos, entre o pioneiro O Rebate (1909 - 1911), cujo centenário se celebra em 18.07.2009, até os jornais que atualmente são editados na cidade. Ressalta-se na mostra a pluralidade de interesses que nortearam a existência destes veículos e a sua contribuição para o desenvolvimento de Juazeiro do Norte e da Região do Cariri.

(*) Esse evento faz parte da programação de comemoração do Centenário da cidade de Juazeiro do Norte)















Entre a Xilo e o Múltiplo

Clube de Gravura do MAM

Curadoria: Cauê Alves

Período: 26 de maio a 02 de julho, 5° Andar

A exposição coletiva "Entre a Xilo e o Múltiplo: Clube de Gravura do MAM" reunirá uma mostra de gravuras realizadas pelos mais importantes artistas do Brasil para o Clube de Colecionadores de Gravura do Museu de Arte Moderna de São Paulo. O objetivo é apresentar, com matrizes originais e textos explicativos, as técnicas tradicionais da gravura, bem como trabalhos contemporâneos que ampliam a noção tradicional dessa técnica.







Minha Vida na Xilogravura / Gravadores de Juazeiro

Artistas: Abrahão Batista (CE), Ailton Laurino (CE), Cícero Lourenço (CE), Cosmo Braz (CE), Francorli (CE), José Lourenço (CE), Manoel (CE), Naldo (CE), Nilo (CE) e Stênio Diniz (CE)

Período: 03 de junho a 11 de julho, 4° Andar

A exposição contará com a participação de dez xilogravuristas de Juazeiro do Norte (CE), apresentando gravuras que expressam suas trajetórias artísticas, desta vez mostrando temas diferentes das tradicionais imagens da região.







ATIVIDADES INFANTIS



CRIANÇA E ARTE



Teatro Infantil



Circo Arlequin

Trupe de Circo Teatro Arlequin (João Pessoa - PB)

Dias 03, sex, 17h, 04 e 11, sábados, 14h e 16h

Dia 10 sex, 15h - Apresentação em Nova Olinda[2]

O Circo Arlequin traz as mais encantadoras atrações do mundo Mágico do Circo. Um lugar encantador, onde podemos sonhar acordados. É com esse objetivo de proporcionar sonhos e alegrias, que a Trupe Paraibana Arlequin faz a festa com pernas-de-pau, malabaristas, acrobatas, trapezistas e sem esquecer as atrapalhadas do palhaço Xulé, que traz para o picadeiro as mais divertidas cenas clássicas dos palhaços. As pantomimas, as gags e as reprises interativas com o público fazem do espetáculo um show a parte.

Direção: Diocélio Barbosa. Classificação Indicativa: Livre. 60min.

























Os Três Porquinhos

Cia de Teatro Anjos da Alegria Produções Infantis (Crato-CE)

Direção: Flávio Rocha

Dias 18 e 25, sábados, 14h e 16h, 26, dom, 14h e 01 de agosto, sáb, 14h e 16h

O espetáculo tem o intuito de levar as crianças a reviverem um dos melhores clássicos infantis. A peça traz a história da mamãe porca, que cansada da desobediência dos porquinhos decide que eles devem viver sós. Eles partem para construir suas casas do outro lado da floresta, e então conhecerão o lado sombrio e perigoso de sua nova morada: a presença do lobo mau, devorador de porquinhos. Entrando em cena, a heróica mamãe porca salva seus filhos das garras do terrível lobo mau, dando-lhes uma lição de vida. Classificação Indicativa: Livre. 50min.





Arte em Família

Dia 26, dom, 15h

Instrutora: Ana Claudia Assunção (Barbalha - CE)

Arte em Família é um programa de visitas monitoradas, oferecido para as crianças que visitam o Centro Cultural participarem, juntamente com seus acompanhantes, de uma experiência artística com jogos e brincadeiras educativas, a partir das exposições em cartaz. 90min.





Contação de Histórias



1,2,3 Conte uma Fábula Outra Vez!

Andréa Samara (Juazeiro do Norte - CE)

Dia 01 de agosto, sáb, 15h

Percebendo que as narrativas têm grande potencial educativo para as crianças, a Boneca Lili irá mergulhar no mundo das fábulas resgatando valores para que as contações não sejam apenas um momento lúdico e sim, a arte de conhecer, educar. Livre. 60min.





Oficina de Arte e Recreação Educativa



Brincadeiras Perdidas

Marismênia Nogueira e Iarlla Suyane (Juazeiro do Norte-CE)

Dias 04, 11, 18 e 25, sábados, 15h

A oficina resgata a história dos brinquedos e brincadeiras populares, buscando a partir do lúdico e da criatividade das crianças a construção dos brinquedos como por exemplo bonecas e bonecos de pano. Preservar a memória das brincadeiras e brinquedos populares é como procurar algo em um baú antigo, pois, observamos que muitas já estão perdidas no cotidiano e até mesmo em nossa memória. 60min.





















Passeio Cultural



Visita ao Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges[3] (Caririaçu)

Facilitador: George Belisário

Dia, 26, dom, 16h

O Programa Passeio Cultural é uma iniciativa de mostrar às crianças*, lugares do Cariri através da ótica cultural. Nessa edição, vamos visitar o Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges em Caririaçu-CE. O percurso será feito de ônibus. 90min.

(*) As crianças deverão ser acompanhadas por um adulto. Será permitido somente um acompanhante por criança.





Sessão Curumim (Exibição de Filmes Infantis)



He-Man e os Mestres do Universo

Dias 04, 11, 18 e 25, sábados, 17h - CCBNB

Dias 01, 08, 22 e 29, quartas-feiras, 14h - Exibição no Crato[4]

Dias 01, 08, 15, 22 e 29, quartas-feiras, 16h06 - Exibição em Caririaçu[5]

Dia 10, sex, 19h - Exibição no Crato[6]

Dia 17, sex, 19h - Exibição no Crato[7]

O herói He-Man e seus amigos empreende uma luta titânica contra Esqueleto, o arquiinimigo do reino de Etérnia. Com as suas legiões do mal, Esqueleto apela para diversos truques a fim de se apoderar da cidade mágica. Animação. Cor. Dublado. Livre. 68min.





CINEMA



100 CANAL



Exibição de Curtas-Metragens



Guerreiras Santa Madalena

Dia 07, ter, 18h30 - CCBNB

Dias 01, 15 e 29, qua, 16h - Exibição em Caririaçu[8]

No bairro João Cabral em Juazeiro do norte, Cultura popular com influência Alagoana. Inspirados nos reisados, danças e cantos, As Guerreiras Santa Madalena tem como integrantes as jovens do bairro, e está iniciativa faz com essas jovens mantenham-se ligadas as raízes de nosso povo. Cor. Livre. 6min.















Caretas de Potengi

Dias 14 e 28, ter, 18h30

Dias 08 e 22, qua, 16h - Exibição em Caririaçu8

Considerado por muitos, é um dos grupos mais antigos da região, Os Caretas de Potengi -CE, desde 1930 vem dando continuidade a mais uma das riquezas que estão entorno da chapada do Araripe, com suas caretas feitas de madeira e enfeitadas por couro animal. Cor. Livre. 6min.





CURTA MUITO



Mostra Vídeo nas Aldeias



A curadoria de Julho traz para apreciação os novos vídeos produzidos pelos Índios que participam da ONG Vídeo nas Aldeias, projeto que vem capacitando e trazendo novas descobertas para as diferentes etnias indígenas envolvidas.



Priara Jô - Depois do Ovo, A Guerra:

Dia 04, sáb,19h - Exibição no Crato9

Dia 11, sáb, 19h - Exibição no Crato10

Dia 25, sáb, 19h - Exibição no Crato11

As Crianças Panará apresentam seu universo em dia de brincadeiras na aldeia. O Tempo de guerra acabou mas ainda continua vivo no imaginário das crianças. Dir. Komoi Panará. Documentário. Cor. 2008. 15min.





De Volta a Terra Boa

Dia 04, sáb,19h15 - Exibição no Crato[9]

Dia 11, sáb, 19h15 - Exibição no Crato[10]

Dia 25, sáb, 19h15 - Exibição no Crato[11]

Homens e mulheres Panará narram a trajetória de desterro e reencontro de seu povo com seu território, desde o primeiro contato com o homem branco até a luta e reconquista da posse de suas terras. Dir. Vincent Carelli e Mari Corrêa. Documentário. Cor. 2008. 21min.

































IMAGEM EM MOVIMENTO



Série "Imagine o Brasil ser Dividido e o Nordeste Ficar Independente"



Eu Tu Eles

Dia 07, ter, 18h36 - CCBNB

Dia 27, seg, 19h - Exibição no SESC Crato12

Baseado numa história real, o filme trata de uma mulher que vivia com três maridos, numa mesma casa, no sertão nordestino, mais especificamente no interior do Ceará. No elenco principal estão Regina Casé, Lima Duarte, Stênio Garcia e o paraibano Luiz Carlos Vasconcelos. A trilha sonora e a direção musical são assinadas por Gilberto Gil. Direção: Andrucha Waddington. Comédia. Cor. 2000. 14 anos. 104min.





Abril Despedaçado

Dia 14, ter, 18h36

Dia 20, seg, 19h - Exibição no SESC Crato12

Nesse filme-vitrine do ator paraibano, Ravi Lacerda, e de excelentes atuações de José Dumont, Rodrigo Santoro e Luiz Carlos Vasconcelos, a geografia desértica do sertão serve de cenário para a rivalidade entre duas famílias, que lutam pela posse da terra. Direção:Walter Sales. Drama. Cor. 2001. 14 anos. 95min.





Viva São João

Dia 28, ter, 18h36 - CCBNB

Dia 06, seg, 19h - Exibição no SESC Crato[12]

Em matéria de São João, poucos filmes são tão bons quanto esse que faz uma comparação sobre as festas juninas e a importância destas para as comunidades locais. Esse documentário foi produzido durante a turnê de Gilberto Gil em 19 cidades do Nordeste e Sudeste, em 2001, quando cantores como Dominguinhos, Marinês, Elba Ramalho e Alceu Valença mostraram a força dessas festividades, envoltas de obra de Luiz Gonzaga.

Direção: Anducha Waddington. Documentário. Cor. 2002. Livre. 90min.







OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA



Oficina



Fundamentos de Cinema de Animação

Instrutor: André Dias Araújo

Dias 14, ter, 15, qua, 16, qui e 17, sex, 15h

Nesta oficina será oferecida aos alunos o conhecimento dos fundamentos do cinema de animação, além de sua história, origem e evolução, mostrando a diversidade estética e de técnicas e o infindável universo de temas, conteúdos e abordagens. Possibilitará ao aluno já praticante de animação o aprimoramento técnico e ao aluno iniciante, subsídios capazes de auxiliá-lo numa busca de exercícios práticos mais aprofundados. Inscrições: a partir do dia 01 de julho na recepção do CCBNB-Cariri. Vagas: 30. 16horas/aula.









LITERATURA/BIBLIOTECA



BIBLIOTECA VIRTUAL



Cursos de Internet



Noções Básicas de Utilização da Internet

Instrutora: Sâmea Marques

Dias 07, ter, 08, qua, 09, qui e 10, sex, 18h

O curso tem como objetivo apresentar e discutir diversas possibilidades de utilização dos recursos e serviços básicos da Internet, tais como: navegação, busca e correio eletrônico. Inscrições: 01 a 04 de julho na Biblioteca Virtual. Vagas: 24. 12horas/aula.





Recursos Avançados de Utilização da Internet

Instrutor: Claytonn de Oliveira

Dias 29, qua, 30, qui, 31, sex e sáb 01 de agosto, 18h

O curso tem como objetivo promover a utilização adequada das ferramentas avançadas de busca e pesquisa da Internet através de atividades educativas para o desenvolvimento de uma cultura digital. Inscrições: 21 a 25 de julho na Biblioteca Virtual. Vagas: 24. 12horas/aula.







LITERATURA EM REVISTA



Apresentação de Atividades Literárias



Machado em Três Tempos

Patricia Vênus (Iguatu-CE)

Dia 21, ter, 19h30

Apresentação da obra de Machado de Assis sob aspectos que evidenciam o processo de amadurecimento e formação da consciência literária do escritor. O mesmo Machado em Três Tempos, apresentado através de seus contos por um grupo de atores/contadores que tem aproximado a Literatura do público através do seu trabalho. Classificação Indicativa: 12 anos. 60min.



































Novas Aquisições da Biblioteca







Contos e Lendas Afro-Brasileiros: A Criação do Mundo

Reginaldo Prandi

Trazidos pelos escravos, os orixás se ambientaram no Brasil. Com suas crenças e costumes, os africanos trouxeram também sua versão mítica da criação do mundo, narrada em histórias repletas de aventuras contadas neste livro.





Contos Escolhidos
Machado de Assis

A forma literária à qual melhor se adaptou o gênio criador de Machado de Assis foi, sem dúvida alguma, o conto. Este volume reúne alguns dos principais contos de sua vasta produção. Aqui a arte machadiana revela-se na sua máxima perfeição.





O Cão dos Baskervilles: Uma Aventura de Sherlock Holmes
Sir Arthur Conan Doyle

Esse livro conta a história de um animal fantasmagórico que, a partir dos pântanos que cercam a prisão de Dartmoor, espalha medo aterrador a todos que se aproximam do local. Como romance policial a obra é considerada uma das mais perfeitas do gênero.





O Significado da Pintura Abstrata

Maurício Puls

Qual é o significado de um quadro abstrato? Como interpretar uma obra que parece não guardar nenhum vínculo com a realidade? Este livro procura elucidar essa questão partindo do pressuposto de que a pintura é uma linguagem artística, que espelha o homem e seu mundo.









O Sorriso do Lagarto

João Ubaldo Ribeiro

Uma história cheia de suspense e emoção, em torno de misteriosos sinais de anormalidade na natureza da ilha de Itaparica. Um biólogo amador, um político consagrado e o feiticeiro da região tentam descobrir a origem dos fenômenos.







Onda Negra, Medo Branco: O Negro no Imaginário das Elites

Século XIX

Célia Maria Marinho de Azevedo

Nessa publicação, encontraremos um intenso debate em torno das questões senhoriais travado por abolicionistas e imigrantistas ao longo do século dezenove. Decerto esse debate ainda se arrastaria pelo tempo não fosse à intervenção dos próprios escravos com suas ações autônomas e violentas.









Sociologia Política Marxista

Antonio Carlos Mazzeo

Este livro traz uma discussão no campo teórico-conceitual do marxismo, os problemas contemporâneos do movimento socialista.





Universos da Arte

Fayga Ostrower

Didático, analítico e contemplativo, este livro representa uma contribuição original para a compreensão da arte. Procedendo em vários níveis, a autora expõe os princípios fundamentais de composição ao mesmo tempo que relata uma experiência fascinante: ministrar um curso de arte para os operários de uma fábrica.







MÚSICA



CULTURA MUSICAL



Shows ao Vivo



Toninho Di Lita e Inajara de Tanduí: Varando Esses Terrais

Dia 04, sáb, 19h30 - CCBNB

Dia 03, sex, 19h - Apresentação em Nova Olinda[13]

Neste show, Toninho Di Lita junto com Inajara de Tanduí apresentam músicas que trazem entre outros temas: o cangaço, o sertão, vaqueiros e folclore indígena. Interpretam compositores como Elomar, Cátia de França, Pazita Valença, o poeta Patativa do Assaré, Zé do Norte, além de um trabalho autoral. 60min.







"CÂNDIDOS" Simone Guimarães canta Isaac Cândido

Dias 29, qua e 30, qui, 19h30

Entre cândidas cores ora jazzísticas, intimistas, dissonantes, em outros momentos ásperas, roqueiras, contundentes, Simone Guimarães, uma das mais elogiadas interpretes da atualidade, dona de uma refinada voz, se despe da singeleza de seu violão para levar seu timbre marcante a uma atmosfera de intensidade, nos intrincados e misteriosos caminhos harmônicos descobertos por Isaac Cândido. 60min.





Banda Breculê

Dias 31, sex e 01 de agosto, sáb, 19h30

Em sua travessia musical, Breculê opta pelo universo acústico, experimentando possibilidades dos instrumentos, em seus ritmos, harmonias e melodias, dialogando seu sotaque cearense com a universalidade da música contemporânea. 60min.













CULTURA DE TODO MUNDO





Programação na Rádio



Cultura de Todo Mundo  Radio Educadora do Cariri AM 1020

terças e quintas-feiras, 14h

Programa de Rádio semanal que divulga a programação do CCBNB Cariri em meio a muita música e informações culturais diversas. O programa faz parte de uma parceria entre o Banco do Nordeste e a Rádio Educadora do Cariri, que inclui um programação diária diversificada de segunda a sexta-feira de 14 às 15 horas. Confira.





ROCK-CORDEL



Shows ao Vivo



Dr Divine

Dia 09, qui, 19h30

Formada por músicos que fazem parte da cena rock caririense há mais de     10 anos, a Dr. Divine tem a proposta de fazer um Hard Rock com uma pegada vigorosa, refrões e performance de palco cativantes. No repertório, versões de bandas como Pholhas, Creedence, além de ícones como Rod Stewart, Bonnie Tyler, Jannis Joplin e Elvis Presley. 60min.





Dimensão Paralela

Dia 10, sex, 18h30

Partindo dos anos cinqüenta com músicas do rei Elvis Presley, a banda Dimensão Paralela passa pelas duas décadas seguintes com os Beatles, Dire Straits, Raul Seixas entre outros. Porém, seu forte se encontra na parte do repertório dedicada aos anos oitenta, enfatizando um dos períodos mais efervescentes do rock nacional e internacional. 60min.







Holy Wood

Dia 10, sex, 20h

Formada há pouco mais de um ano, a Holy Wood é uma banda que toca grandes clássicos do estilo Hard Rock, principalmente os sucessos da década de 80. O repertório da banda traz sucessos de bandas como Whitesnake, Journey, Outfield, Peter Frampton, Bon Jovi, Scorpions, Guns and Roses e Survivor. Sua formação possui músicos de longa experiência na cena rock do cariri e que atuam em outras bandas conhecidas do público da região. 60min.





Dr Raiz: Tributo Chico Science

Dia 11, sáb, 19h30

Nesta apresentação, a banda Dr. Raiz fará um passeio por um repertório que constituiu suas influências aos longos dos anos com músicas de Chico Science, O Rappa e outras bandas que foram destaques ou que compunham o cenário musical alternativo na década de noventa. O show terá a participação de convidados e ex-integrantes da banda. 60min.







ESPECIAIS



CULTURA NA REDE



Gincana Virtual



Programa que visa ampliar o acesso dos jovens ao conhecimento e divulgar a Internet como ferramenta de pesquisa. Cultura na Rede é um jogo virtual que vai premiar aqueles que demonstrarem uma maior capacidade de pesquisa e de entendimento da cultura, utilizando a Internet como recurso essencial para a pesquisa. Serão lançadas baterias com temas específicos sobre arte e cultura. Todos os dias serão divulgadas várias perguntas, em horários diferentes. Quanto mais rápido o participante responder essas perguntas, maior será a sua pontuação. Ao final da bateria, os participantes com maior pontuação ganharão prêmios que facilitarão o acesso a atividades culturais. Para participar, basta acessar o site do Banco do Nordeste e fazer o cadastro - www.bnb.gov.br/cultura.



Início: 06/07 - Término: 26/07



Baterias:

  - Câmara Cascudo

  - História do Cangaço

  - História do Rock





ARTE RETIRANTE



Atividades Infantis



Contação de Histórias



Contos Nordestinos

Elizabette Gomes (Juazeiro do Norte - CE)

Dias 02 e 16, terças-feiras, 9h[14]  e 11h[15] - Apresentação em Milagres

A contação de história vem como uma emergência da oralidade em nosso meio, pois, proporciona ao contador e ao ouvinte a integração no momento do conto e o deleite do mundo imaginário. Ao introduzirmos os contos e lendas nordestinas, temos como objetivo dar continuidade a esse grande acervo cultural de nossa história. Com proposta de unir música e contação de histórias pretendemos enriquecer a forma de contar para que se torne cada vez mais um momento de prazer. 60min.























PROGRAMAÇÃO DIÁRIA



Dia 01, quarta-feira

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: SESC Crato

14h: Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges (Caririaçu)

16h 100 Canal: Guerreiras Santa Madalena. 6min.

16h06 Sessão Curumim:He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.



Dia 02, quinta-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Atividades Infantis - ARTE RETIRANTE

Local: Quadra Antônio Bernardinho - ACOM (Milagres)

9h Contação de Histórias: Contos Nordestinos. 60min.

Local: Instituto Casa Mãe (Milagres)

11h Contação de Histórias: Contos Nordestinos. 60min.



Dia 03, sexta-feira

Música - ARTE RETIRANTE

Local: Fundação Casa Grande (Nova Olinda)

19h Toninho Di Lita e Inajara de Tanduí: Varando Esses Terrais. 60min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

17h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.



Dia 04, sábado

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.

15h Oficina de Arte e Recreação Educativa:  Brincadeiras Perdidas. 60min.

16h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.

17h Sessão Curumim:  He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

CURTA MUITO

Local: Sítio Malhada. Distrito de Ponta da Serra. (Crato)

19h Priara Jô - Depois do Ovo,

A Guerra. 15min.

19h15 De Volta a Terra Boa. 21min.

Música - CULTURA MUSICAL

19h30 Toninho Di Lita e Inajara de Tanduí: Varando Esses Terrais. 60min.



Dia 05, domingo

Fechado



Dia 06, segunda-feira

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

Local: SESC Crato

19h Viva São João. 90min.

Especiais - CULTURA NA REDE

Baterias:

  - Câmara Cascudo

  - História do Cangaço

  - História do Rock



Dia 07, terça-feira

Música - CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Noções Básicas de Utilização da Internet. 180min.

Cinema - 100 CANAL

18h30 Guerreiras Santa Madalena. 6min.

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

18h36 Eu Tu Eles. 104min.



Dia 08, quarta-feira

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: SESC Crato

14h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges (Caririaçu)

16h 100 Canal: Caretas de Potengi. 6min.

16h06 Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Noções Básicas de Utilização da Internet. 180min.



Dia 09, quinta-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Noções Básicas de Utilização da Internet. 180min.

Música - ROCK CORDEL

19h30 Dr. Divine. 60min.



Dia 10, sexta-feira

Atividades Infantis - ARTE RETIRANTE

Local: Fundação Casa Grande (Nova Olinda)

15h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Noções Básicas de Utilização da Internet. 180min.

Música - ROCK CORDEL

18h30 Dimensão Paralela. 60min.

20h Holy Wood. 60min



Dia 11, sábado

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.

15h Oficina de Arte e Recreação Educativa: Brincadeiras Perdidas. 60min .

16h Teatro Infantil: Circo Arlequin. 60min.

17h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

CURTA MUITO

Local: Largo da Igreja de São José. Ponta da Serra (Crato)

19h Priara Jô - Depois do Ovo,

A Guerra. 15min.

19h15 De Volta a Terra Boa. 21min.

Música - ROCK CORDEL

19h30 Dr Raiz: Tributo Chico Science. 60min.





Dia 12, domingo

Fechado



Dia 13, segunda-feira

Fechado



Dia 14, terça-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Cinema - OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA

15h Fundamentos de Cinema de Animação. 240min.

Cinema - 100 CANAL

18h30 Caretas de Potengi. 6min.

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

18h36 Abril Despedaçado. 95min.

ARTES VISUAIS

19h Abertura da Exposição Vestidas de Branco, no 5° Andar.



Dia 15, quarta-feira

Cinema - OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA

15h Fundamentos de Cinema de Animação. 240min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges (Caririaçu)

16h 100 Canal: Guerreiras Santa Madalena. 6min.

16h06 Sessão Curumim:He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 O Mistério da Cascata. 60min.



Dia 16, quinta-feira

Atividades Infantis - ARTE RETIRANTE

Local: Quadra Antônio Bernardinho - ACOM (Milagres)

9h Contação de Histórias: Contos Nordestinos. 60min.

Local: Instituto Casa Mãe (Milagres)

11h Contação de Histórias: Contos Nordestinos. 60min.

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Cinema - OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA

15h Fundamentos de Cinema de Animação. 240min.

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 O Mistério da Cascata. 60min.



Dia 17, sexta-feira

Cinema - OFICINA DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA

15h Fundamentos de Cinema de Animação. 240min.

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 O Mistério da Cascata. 60min.



Dia 18, sábado

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil - Os Três Porquinhos. 50min.

15h Oficina de Arte e Recreação Educativa:  Brincadeiras Perdidas. 60min.

16h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

17h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.



Artes Cênicas - ARTE RETIRANTE

Local: Fundação Casa Grande (Nova Olinda)

19h O Mistério da Cascata. 60min.

ARTES VISUAIS

19h Abertura da Exposição Imprensa Centenária, no 4° andar

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 O Mistério da Cascata. 60min.



Dia 19, domingo

Fechado



Dia 20, segunda-feira

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

Local: SESC Crato

19h Abril Despedaçado. 95min.



Dia 21, terça-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Literatura/Biblioteca - LITERATURA EM REVISTA

19h30 Machado em Três Tempos. 60min.



Dia 22, quarta-feira

Feriado (O CCBNB estará fechado)

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: SESC Crato

14h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges (Caririaçu - CE)

16h 100 Canal: Caretas de Potengi. 6min.

16h06 Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.





Dia 23 quinta-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 No Caminho...Sem Pressa. 60min.



Dia 24 sexta-feira

Artes Cênicas - ATO COMPACTO

19h30 No Caminho...Sem Pressa. 60min.



Dia 25, sábado

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

15h Oficina de Arte e Recreação Educativa:  Brincadeiras Perdidas. 60min.

16h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

17h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

CURTA MUITO

Local: Sociedade Lírica do Belmonte (SOLIBEL), Distrito de Belmonte. (Crato)

19h Priara Jô - Depois do Ovo,

A Guerra. 15min.

19h15 De volta a Terra Boa. 21min.

Teatro - ATO COMPACTO

19h30 No Caminho...Sem Pressa. 60min.



Dia 26, domingo

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

15h Arte em Família. 90min.

16h Passeio Cultural: Visita ao Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges em Caririaçu-CE. 90min.

Teatro - ATO COMPACTO

19h30 No Caminho...Sem Pressa. 60min.



Dia 27, segunda-feira

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

Local: SESC Crato

19h Eu Tu Eles. 104min.



Dia 28, terça-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Cinema - 100 CANAL

18h30 Caretas de Potengi. 6min.

Cinema - IMAGEM EM MOVIMENTO

18h36 Viva São João. 90min.



Dia 29, quarta-feira

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: SESC Crato

14h Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Artes Cênicas  - CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE

15h Raízes da Tradição Cômica Popular no Teatro de Ariano Suassuna. 240min.

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges (Caririaçu - CE)

16h 100 Canal: Guerreiras Santa Madalena. 6min

16h06 Sessão Curumim: He-Man e Os Mestres do Universo. 60min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Recursos Avançados de Utilização da Internet. 180min.

Música - CULTURA MUSICAL

19h30 "CÂNDIDOS" Simone Guimarães canta Isaac Cândido. 60min.



Dia 30, quinta-feira

CULTURA DE TODO MUNDO

14h Programa de Rádio na Educadora do Cariri AM. 180min.

Artes Cênicas  - CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE

15h Raízes da Tradição Cômica Popular no teatro de Ariano Suassuna. 240min.

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Recursos Avançados de Utilização da Internet. 180min.

Música - CULTURA MUSICAL

19h30 "CÂNDIDOS" Simone Guimarães canta Isaac Cândido. 60min.











Dia 31, sexta-feira

Artes Cênicas  - CURSO DE APRECIAÇÃO DE ARTE

15h Raízes da Tradição Cômica Popular no teatro de Ariano Suassuna. 240min.Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Recursos Avançados de Utilização da Internet. 180min.

Artes Cênicas - TROCA DE IDÉIAS

18h. Bate Boca em Cena. 90min.





Dia 01 de agosto, sábado

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

15h 1, 2, 3 Conte uma Fábula Outra Vez. 60min.

16h Teatro Infantil: Os Três Porquinhos. 50min.

17h Arte em Família

Literatura/Biblioteca - BIBLIOTECA VIRTUAL

18h Recursos Avançados de Utilização da Internet. 180min.

Música - CULTURA MUSICAL

19h30 Banda Breculê. 60min.








________________________________

[1]          Local: Fundação Casa Grande. Rua Geremias Pereira, 444, Centro. Tel: 88 3546 1333.

[2]          Local: Fundação Casa Grande. Rua Geremias Pereira, 444, Centro.  Tel: 88 3546 1333.

[3]          Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges. Av. Francisco Barros Sobrinho, 40.

[4]          Local: SESC - Rua André Cartaxo, 443, Centro. Fone: 88 3523. 4444.

[5]          Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges. Av. Francisco Barros Sobrinho, 40.

[6]          Local: Sociedade Lírica do Belmonte (SOLIBEL). Distrito de Belmonte. Fone: 88 9619.1898

[7]          Local: Largo da Igreja de São José, Malungo Produções, Ponta da Serra.. Fone: 88 9903.6186 / 9619.1898

[8]          Local: Centro Cultural Dr. Raimundo de Oliveira Borges. Av. Francisco Barros Sobrinho, 40.

[9]          Local: Sítio Malhada. Distrito de Ponta da Serra. Fone: 88 9903.6186 /    9619.1898

[10]        Local: Largo da Igreja de São José. Malungo Produções. Ponta da Serra. Fone: 88 9903.6186 / 9619.1898

[11]        Local: Sociedade Lírica do Belmonte (SOLIBEL), Distrito de Belmonte em Crato. Fone: 88 9619.1898

[12]        Local: SESC - Rua André Cartaxo, 443, Centro. Fone: 88 3523. 4444.

[13]        Local: Fundação Casa Grande. Rua Geremias Pereira, 444, Centro. Tel: 88 3546 1333.

[14]        Local: Quadra Antônio Bernardinho (ACOM). Sitio Benedito, KM 01

[15]        Local: Instituto Casa Mãe. Rua N. Senhora, 115


Escritor Ronaldo Correia de Brito lança romance "Galileia" e é figura central de debate literário (CCBNB-Fortaleza, terça-feira, 30, às 19h, grátis)


Escritor Ronaldo Correia de Brito lança romance "Galileia" e é figura central de debate literário



FORTALEZA, 24.06.2009 - Considerado um dos três melhores romances brasileiros de 2008, o livro "Galileia" será alvo de debate, tendo como figura central o seu autor, Ronaldo Correia de Brito, uma das vozes mais originais da literatura brasileira contemporânea.

O debate e o lançamento do livro acontecerão dentro do programa Literato, no cineteatro do Centro Cultural Banco do Nordeste-Fortaleza (rua Floriano Peixoto, 941 - 2º andar - Centro - fone: (85) 3464.3108), na próxima terça-feira, 30, às 19 horas, com entrada franca.

Ronaldo Correia de Brito conversará sobre literatura e a sua obra em lançamento com os escritores Pedro Salgueiro e Jorge Pieiro, além do público presente ao Centro Cultural, que poderá formular perguntas por escrito.

Para Antonio Gonçalves Filho, crítico do jornal O Estado de S. Paulo, o modo de construção de Ronaldo Correia de Brito no romance "Galileia" é cinematográfico. "Econômico, conciso, cortante, ele reúne os fragmentos da tradição oral e ergue uma catedral literária com os cacos da ruína sertaneja e da tragédia clássica", destaca.



História de vida e trajetória artística

Ronaldo Correia de Brito nasceu em Saboeiro, sertão dos Inhamuns, no Ceará, em 1º de outubro de 1950. Mora em Recife desde os 17 anos. É médico formado pela Universidade Federal de Pernambuco.

Desenvolveu pesquisas e escreveu diversos textos sobre literatura oral e brinquedos de tradição popular, além de ter sido escritor residente e professor visitante da Universidade da Califórnia, em Berkeley, no ano de 2007.

Escreveu os livros de contos "As noites e os dias" (1997), editado pela Bagaço, "Faca" (2003), "Livro dos homens" (2005) e a novela infanto-juvenil "O pavão misterioso" (2004), todos publicados pela Cosac Naify.

Dramaturgo e encenador, é autor das peças "Baile do menino Deus", encenada já há 25 anos por todo o Brasil, "Bandeira de São João" e "Arlequim". Escreveu durante sete anos para a coluna Entremez, da revista Continente Multicultural (Recife/PE), e atualmente assina uma coluna semanal na revista Terra Magazine, do Portal Terra.



Um releitura do sertão: romance "Galileia", por Ronaldo Correia de Brito

Quando lancei As noites e os dias, em 1997, pela editora Bagaço, o poeta Alberto Cunha Melo escreveu que meus personagens são complexamente urbanos e habitam um sertão sem endereço certo, que pode estar em qualquer latitude. Em Galileia, os primos Davi, Ismael e Adonias procuram reconstruir suas vidas na Noruega, no Recife e em São Paulo, longe do sertão em que nasceram. Por mais que eles tenham se distanciado da violência que ronda a família, voltarão a senti-la de perto, descobrindo que nunca escaparam ao destino que os cerca.

O sertão tanto pode significar um espaço mítico como um acidente geográfico. Santo Agostinho perguntava sobre o tempo: o que é o tempo? Se não me perguntam eu sei, se me perguntam, desconheço. O que é o sertão? Se não me perguntam eu sei, se me perguntam desconheço. O sertão é abstrato ou real como o tempo. E continuará sendo tema para a literatura. O sertão é um espaço de memória confundido com o urbano. É o melhor lugar do mundo para acessar a Internet, porque as Lan Houses cobram apenas cinquenta centavos por hora. Galileia trata dessas idas e vindas, mergulhos e retornos nesse mundo suburbano chamado sertão.

Sou inteiramente aberto às influências. Não estou nem aí para qualquer tipo de fidelidade. Sou marcado pela escrita de Rulfo, Borges e de vários escritores russos. O livro que marcou mais profundamente minha escrita foi a História Sagrada, que sempre li como um compêndio de narrativas e nunca como um escrito religioso. Concordo com o ponto de vista de Robert Alter de que a Bíblia é prosa de ficção.

Eu precisava escrever um romance para ter mais espaço para discussões que não cabem no conto. Mas, sou um romancista conciso. Nunca conseguiria escrever centenas de páginas como os russos e os escritores de língua inglesa. Levei a mesma tensão dos meus contos para o romance. E isso se alcança em poucas páginas.

Trabalho duas propostas de Ítalo Calvino na minha literatura: a exatidão e a rapidez. Sou obsessivo em tentar dizer o essencial com poucas palavras. A cada dia me preocupo menos com o efeito das frases. Já não tento alcançar a beleza; prefiro alcançar a verdade. Quase não crio metáforas e censuro os adjetivos. Acho que sou esquemático, o que não deixa de ser um perigo para a literatura. Mas não suporto gorduras, sempre busco chegar ao osso.

Sou um escritor psicanalisado e minha escrita reflete isso. Nunca quis exercer o papel de psicanalista, embora tenha feito formação. Não conheço boa literatura escrita por psicanalistas. O hábito profissional da escuta e da escrita psicanalítica contamina a criação literária e o resultado é sempre ruim. Freud escreveu boa literatura. Não digo o mesmo de Jacques Lacan.

Quando terminei de escrever Galileia, tive a impressão de que havia escrito o roteiro de um filme. Escrevo sempre a partir de impressões visuais, arranjos de cena. Nunca escrevi por sugestão deste ou daquele texto literário. As imagens do cinema me sugerem muito mais profundamente do que um conto ou novela. Escrevo teatro com facilidade. Sou um homem de teatro, conheço a carpintaria teatral. Escrever para cinema e teatro é bom porque podemos acompanhar a encenação ou a filmagem, vemos a transformação do texto numa outra linguagem.

Escrever é um ofício custoso. É necessário ler muito, aguentar o tranco da solidão, ser capaz de uma viagem interior e estar sempre aberto às novas experiências da escrita. É um ofício amargo, duro, uma verdadeira ascese. Não vejo nenhum glamour em ser escritor. Só reconheço nessa profissão muito trabalho, uma busca permanente da literatura e horas contínuas de estudo.

Continuo trabalhando como médico e não pretendo me afastar da medicina, nunca. Escrever e atuar como médico são atividades sem conflito. Acho que não seria escritor sem o longo e exaustivo exercício da medicina. Todos os dias eu convivo com o sofrimento, com a doença, com a morte e a alegria da cura. Ouço histórias que anoto e que podem aparecer em algum conto ou novela. Em "Livro dos Homens" existem dois contos desenvolvidos a partir de minha vivência no hospital.

Só consigo viver fazendo muitas coisas. Todas elas estão harmonizadas e é como se eu me movimentasse dentro de um mesmo universo. Gostaria de escrever um livro que me deixasse satisfeito. Isso nunca acontecerá. Estou sempre esperando por esse livro. Ah, se fosse Galileia! Mas tenho consciência da minha permanente insatisfação e já estou trabalhando em novos livros. Queria viver mais serenamente, sem a angústia da espera. Não desejar e não esperar. Isso é quase a santidade.



ENTREVISTAS E INFORMAÇÕES ADICIONAIS:



*         Ronaldo Correia de Brito - (81) 9971.9243 / 3271.3304 - runwald@uol.com.br; ronaldo_correia@terra.com.br.

*         Carolina Teixeira (coordenadora desta edição do programa Literato) - (85) 3464.3178 / 9629.1777 - carolinatr@bnb.gov.br

*         Carmen Paula Menezes (gerente do CCBNB-Fortaleza) - (85) 3464.3111 / 8635.6031 - cpaulavm@bnb.gov.br

*         Luciano Sá (assessor de imprensa do Centro Cultural Banco do Nordeste) - (85) 3464.3196 / 8736.9232 - lucianoms@bnb.gov.br



A CRITICIDADE É SEMPRE NECESSÁRIA

A Criticidade é sempre necessária.

Por Luiz Domingos de Luna*
Procurar na web.

Toda informação é filtrada pela mente do autor, logo, um fato em si pode ter milhares de formas de apresentação, esta diversidade de formas é combustível de vital importância para a democracia, pois a liberdade de expressão é a liberdade de expressar inúmeros focos para uma única situação, assim, quanto maior for às possibilidades dos dados amostrais, maior será força democrática.

A heterogenia social é também intelectual, pois não existe sociedade totalmente homogenia, como também não deve existir um padrão de conhecimento intocável, inviolável, pois a civilidade sempre pronta para polir, para criar um novo ritmo de aprimoramento.

É assim que a humanidade ruma, sempre numa busca eterna, uma história permeada de erros a acertos, o grande desafio é diminuir a margem de ermos e aumentar a de acertos, porém para a probabilidade aumentar em projeção afirmativa, se faz necessário também elastecer o foco do conhecimento, como também todas as facetas e variáveis possíveis, sem isso, o pulsar existencial pára a história emperra e a vida se dissolve na abstração do tempo.

Escrever é um ato social e como tal expõe a convicção do autor, porém, por mais dados e conhecimentos que se tenha sempre falta o focar pleno do contrário, assim, o potencial do que não foi exposto pode ter o poder maior do que o que já foi. Nisto reside à força da criticidade, dar luz ao que foi esquecido, dar força ao que não foi pontuado.... (....) Enfim dar a liberdade ao que foi presilhado ou distorcido, ou, questionar o que é, ou era, uma obra pronta pelo autor.

Este constante desafio feito dentro de princípios éticos normativos, de responsabilidade e compromisso com o bem estar da sociedade é a fonte geradora de progresso, de crescimento social e luz para as futuras gerações.

(*) É colaborador do blog farias brito

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Morre o Ídolo

Uma eterna criança. O ídolo que se recusou a crescer e, decidiu viver na Terra do Nunca, morreu endividado.

Com mais de 07 (sete) milhões de discos vendidos, Michael Jackson ultrapassou qualquer marca deixada pelos grandes da música Pop.

Com a vida conturbada, por ter sido várias vezes acusado de pedofilia, foi absolvido pela Corte Americana, porém, seus problemas continuaram.

Morre o Ídolo! Porém, fica o seu legado. A sua história ninguém apagará!

Que Deus o acompanhe pequeno Michael. O pequeno que virou Mega Star.

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Recurso Público na Lupa do Cariri !!!

Por Luiz Domingos de Luna
A Região do Cariri vive um momento muito afirmativo de desenvolvimento, no entanto, o crescimento econômico na sua conjuntura geográfica poderia ter um ritmo bem mais acelerado e constante, o que não acontece. Por quê ? Ora, os canais de distribuição de recursos públicos da federação e do próprio estado são muito capilarizados, o que causa na sua trajetória pontos de obstrução por conta de detalhes técnicos necessários para o bom funcionamento do estado democrático de direito, porém com prejuízo no compasso do tempo as demandas sociais.Assim, obas, ou serviços que deveriam ser repassadas a sociedade ficam presas no gargalo das instituições, muitas vezes passam meses aguardando um carimbo, uma quitação, uma assinatura.(....)Enfim, um detalhe, neste ínterim, é comum à população e mesmo parte da mídia partir para cobrança de forma exagerada, na maioria das vezes, usando uma linguagem de naturalização grosseira, não condizente com o processo desenvolvimentista global, assim, todo o conjunto emperra, e a sociedade com justa causa sempre a procurar um culpado pelo engessamento da concretude das ações públicas, na falta de atitude dos agentes públicos, é o que pensa ser a verdade; Ora, este raciociocínio simplista em nada contribui para o crescimento das cidades satélites do cariri cearense.Os parlamentos mirins do cariri, via de regra, estão quase sempre esvaziados, plenários totalmente vazios, os edis parlamentares debatendo os problemas das cidades entre si. Por que o plenário em dia de sessão não está sempre lotado ?, Por que os sites de fontes geradoras, ou mesmo repassadores de recursos são pouco acessados pela população ? Por que a população não usa os meios democráticos de fiscalização do estado democrático de direito ?Ora, mas alguém pode argumentar que a classe política esta desacreditada, sim, mas quem elege a classe política. Por que não se faz um estudo prévio e bem acentuado do testemunho de vida dos futuros gestores públicos ?E na sequência, a participação política de fato e de direito no lugar de ficar somente nesta cantilena de lançar pechas sociais na classe política que em nada contribui, para o desenvolvimento social, político, econômico, turístico (...) da linda região do cariri cearense.
Postado por Luiz Domingos de Luna colaborador do Blog Farias Brito.

domingo, 21 de junho de 2009

ARRAIAL DO ECC NO SITIO ESCONDIDO

O casal Cazuza e Seabranira recepcionaram os convidados na sua chácara no Sítio Escondido.

Cazuza com sua irmã Laice Almeida na Vivenda Sinhá ( da Avó )

O casal Zé de Nel e Dona Rita ( Noivos da Quadrilha Improvisada).

Benedito, Francione e Claudinha animaram a Quadrilha.




Ricardo o Tecladista no Arraial.




Pe. Coringa esteve presente à festa dos casais.







O Vereador Chico da Betânia e Vânia participando da Quadrilha.






Mãe e Filha se divertem.(Inacinha e Claudinha).




Convidadas da sede prestigiando o Arraial.






Casais do distrito de Cariutaba marcaram presença.



Diretor da Escola Gabriel (Devãnio) com seus 2 filhos.


O Advogado Dr. Marco Antônio e sua esposa Melina.



Dr. Marco Aurélio esteve presente na residência do Tio.




O casal Fábio e Bastinha com sua filha Ana Beatriz.






Casais do distrito de Nova Betânia.







O casal Zé Cari e esposa.



O casal Damião e Corrinha com sua sobrinha Angeliene.




Os casais José Hildo da Penha e Inacinha e Humberto e Naira.










Casais do Povoado de Lambedouro.






Comunidade do Sítio São João se fez presente.

A Equipe de Dirigentes do Encontro de Casais com Cristo - ECC da Paróquia de N. Sra. da Conceição realizou o Arraial deste ano de 2009 na Vivenda Sinhá, Sítio Escondido. Grande número de casais e convidados estiveram presentes ao importante evento que vem sendo comemorado anualmente.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Morre Seu Belo, o Homem dos Três Séculos

15-06-2009 - Morre Seu Belo, o Homem dos Três Séculos


Faleceu nesta segunda -feira, 15/06, à tarde, na cidade de Crato, aos 110 anos, o agropecuarista Liberalino Ferreira Leite, mais conhecido por Seu Belo Leite.
Nascido em 10 de fevereiro de 1899, nos “Brejos”, nos arredores da Cidade, de onde saiu com seus familiares aos 8 anos de idade para fixar residência no Sítio Enxu, do mesmo município.
Seu Belo era filho do casal Inácio Ferreira Leite, de descendência portuguesa, e Rita Liberalino de Menezes, de mesma origem. Viveu sua juventude nos sítios Enxu e Boqueirão, de onde saiu, no ano de 1925, após aeu casamento com a Jovem Ester, filha do seu parente Antonio José Leite (Antonio Mateus), para fixar residência no sítio ou Fazenda Ponta da Serra, adquirido dos herdeiros do Cel. Eufrásio Alves de Brito, onde constituiu família, saindo para a cidade na década de 1960.
O Jornal Ponta da Serra, em sua edição de Nº 09, de abril de 2005, lhe fez uma pequena homenagem, onde a população teve a oportunidade de se expressar a seu respeito. Por unanimidade, todas as pessoas entrevistadas o reconheceram como sendo “ um homem bom”, justificando, assim, sua longevidade.
Seu Belo nasceu no século XIX, viveu plenamente o século XX e faleceu no século XXI.
Seu sepultamento deverá ocorrer no Cemitério Público da Cidade de Crato, onde está sepultada a sua esposa.

Por Antonio Correia Lima
Postado pelo mesmo
Foto: Erivânia Lima, em 10.02.2009

Blog do Crato

quarta-feira, 17 de junho de 2009

O BLOG

Por Luiz Domingos de Luna

Um bom livro

Em suas mãos

Páginas a folhear

Celulose sem gastar

Meio de comunicação

Depende de sua atuação

Para credibilidade conquistar

É também uma revista

Um canal de uma pista

Nunca vai poder parar

 A história nele passa

Depende da argamassa

De volume bem dosado

Pois o olhar do outro lado

Diz se já foi visitado

Ou ainda vai visitar

Não dá para prender

Nem serve para vender

Nem para ser alugado

O seu preço é qualidade

Que depende do leitor

Que estabelece o valor

Do material postado

Nasce no novo mundo

Vive enclausurado

Na tela bem amarrado

Percorre em um segundo

A fronteira do infinito

A força de seu grito

 Em horizonte firmado

Conduzindo com intensidade

A fórmula da liberdade

De um universo colado

terça-feira, 16 de junho de 2009

Avança Cariri!

Por Luiz Domingos de Luna

A Região do cariri cearense sempre foi um núcleo muito coeso, tendo inclusive, inúmeras manifestestações artísticas, culturais, religiosas (...) que permeiam no tabuleiro histórico pontos firmes de identidade, muitas vezes, beirando ao bairrismo: porém sempre dentro de uma linha afirmativa de desenvolvimento nuclealizado que irradia luz para todas as cidades que formam este espaço geográfico, já, devidamente revestido de uma cultura bem consolidada no espaço tempo.

A Criação da Região Metropolitana do Cariri é sem dúvidas um renascimento muito afirmativo para "no vislumbre de um mundo globalizado" a necessidade de canais legalizados, onde os recursos possam fluir naturalmente, no processo interativo de desenvolvimento global do cariri, porém aí, é, que de fato reside o perigo.  Explico: O Bairrismo de forma afetada, forma uma ideologia, mais do que isto, uma bandeira, mais do que isto, uma doutrina , às vezes até uma xenofobia emocional direcionada, o pior é quando a xenofobia é direcionada a uma cidade, a política, a economia, a razão de ser do conjunto, o eixo, a sagração do trono do rei, o ponto máximo; O Poder concentrado e diluído em uma única cidade, porém, vejo que a Região Metropolitana do Cariri é um ponto de difusão de desenvolvimento para todas as cidades satélites que formam a região do cariri cearense, ou seja, do seu núcleo são irradiadas todas as formas afirmativas de desenvolvimento para o bem comum de todo o conjunto caririense, pois, com certeza é o que pensa, presumo, todas as cidades satélites desta linda região no sul cearense, porém, não poderia haver algo de mais danoso do que o pensamento mesquinho e egoísta de que é preciso fazer uma metrópole implodindo as demais cidades, com um raciocínio medíocre de que o cariri não comporta mais de uma metrópole, quem pensa assim, conspira contra o cariri, contra a globalização e, por fim, contra o pulsar de crescimento econômico na querida região do cariri cearense.

domingo, 14 de junho de 2009

Quem não ama



Quem não ama, é uma estrela sem brilhar,
É uma árvore morta no deserto,
Sem rios nem fontes por perto.
É uma madre estéreo que não pode gerar.

Está preso aos grilhões da tristeza a lamentar,
Se esconde do mundo e vive em secreto,
Faz pacto com a solidão,e com a tristeza um decreto.
Tem um coração e não sabe como usar.

Sofre com medo de sofrer,
Fingir que vive e sem viver,
E quebrar um mandamento sagrado,

O qual o filho de Deus falou:
Uns aos outros tenham amor,
Como eu vós tenho amado.



Francis Gomes

O INVERSO

Eu te odeio, eu te amo...

Eu te odeio
Não poderia jamais falar:
Eu te amo,
Eu te adoro,
Você é tudo para mim.
Me perdoe
Se algum dia falei isto.
Foi engano,
Um momento de loucura.
Eu te odeio.
Fui insensato ao falar:
Eu te amo.
Todos sabem,
Eu sei, você sabe,
Porque mentir para mim mesmo,
Porque tentar me iludir,
Porque tentar enganar meu coração;
Eu te odeio.
Não Posso dizer:
Eu te amo,
Você é minha vida.
Não te amo.
Eu te odeio.
Por mais que eu queira,
Não consigo falar:
Eu te amo, tente entender.


Francis Gomes.

OBS: ler de cima para baixo e depois de baixo para cima.

A ONDE NOS LEVA A IMAGINAÇÃO

A mulher que dava, mas não vendia



Jocicleia sempre foi uma moça recalcada,
De família simples, humilde e pobre.
Até que conheceu Reginaldo,
Sua vida teve uma reviravolta
Que jamais imaginava.
Um ano e meio depois de estarem juntos
Ela deu pele primeira vez.
É deu, sentiu vontade de dar deu,
Afinal estava dando o que era dela
E ninguém tem nada a ver com isso.
Mas sentiu-se suja,
Enojada pelo o que fez.
Como se além de perder a honra
Perdeste também a dignidade de mulher.
Chorou, sofreu maldisse a vida.
Depois deu outra vez, e mais outra.
As três primeiras vezes foram iguais,
O mesmo sofrimento a mesma dor.
Depois se acostumou dar.
Não sei se dava por prazer,
Mas segundo ela,
Por necessidade e por amor.
Mas não saía dando por ai
A torto e a direito,
Nem para qualquer um.
Escolhia a dedo a quem dava
Tinha lá suas regras.
Não dava para pobre,
Pobre por pobre bastava ela.
Também não dava para vizinhos,
Porque tinha medo de se arrepender.
Queria evitar comentários,
E sempre tem um fuxiqueiro de plantão.
Só dava para quem tinha condições,
De preferência que morasse longe.
Também não vendia, dava,
Porque vender para ela era pecado,
Mas da, da era um ato de amor.
Por isso ela deu durante sua vida inteira,
Enquanto pode da, deu.
Dava o que era dela,
Por amor e por falta de condições
Dava mas não vendia,
E nunca saiu pelas esquinas
Tentando ganhar alguns trocados.
Nunca deu para vizinhos,
Nem para pobre,
Nunca matou, nem roubou,
Mas deu.
Jocicleia deu e nunca se arrependeu de da,
Seus filhos para outros criarem.

Francis Gomes

sábado, 13 de junho de 2009

Investidra dos coroinhas

Nesta ultimo dia 11/06, festa litúrgica de Corpus Christi, a paróquia de Nossa Senhora da Conceição investiu mais 10 croinhas na comunidade de Cariutaba, 04 na comunidade de Nova Betânia, 12 da serra do Quincuncá, e 12 na sede da paróquia, somando um total de 38 novos coroinhas, formando assim um grupo de mais de 70 jovens...

Nossa missão é formar nossos jovens, para a religiosidade,a ética, moral, relações humanas, etc...

Após a investidura dos coroinhas foi oferecido ao mesmos e aos seus pais um almoço e a comunidade presente.

Acompanha as fotos....