domingo, 22 de novembro de 2009

Defensoria Pública lança manual para o público feminino

A Defensoria Pública do Estado do Ceará (DPGE) demonstra o seu compromisso e a sua preocupação com a efetivação dos direitos humanos das mulheres. Na próxima quarta-feira, 25 de novembro, a Defensoria Pública, através do seu Núcleo de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, irá lançar na praça José de Alencar o manual voltado, exclusivamente, para o público feminino.

O Manual da Cidadania, edição Direitos Humanos das Mulheres é uma publicação da Defensoria Pública do Estado do Ceará em parceria com o Ministério da Justiça (Pronasci), que traz a proposta de esclarecer, de uma forma simples e objetiva, o que é violência doméstica e familiar, quais os tipos de violência, qual deve ser o procedimento da mulher que acaba de ser agredida, quem pode denunciar, o que diz a Lei Maria da Penha, como a Defensoria Pública do Estado pode ajudar essas mulheres, para onde recorrer nesses casos, enfim, uma série de informações que irá ajudar a nossa população num trabalho de conscientização, orientação e prevenção contra a violência doméstica e familiar.

Na quarta-feira, 25 de novembro, serão oferecidos múltiplos serviços na praça José de Alencar. Das 13h30 às 17h30, a população poderá retirar 1ª e 2ª via, do RG e CPF, contar com orientação e atendimento jurídico promovido pela própria Defensoria Pública, cadastrar no projeto Primeiro Passo, cortar o cabelo, fazer o teste de HIV, tirar dúvidas sobre as DSTs e câncer de mama. Estará presente a biblioteca volante da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, a Unidade Móvel do SINE/IDT, o Corpo de Bombeiros realizando atividades recreativas e tirando dúvidas sobre primeiros socorros, entre outros serviços. O encerramento do evento será no jardim do Teatro José de Alencar, com uma apresentação do cordelista Tião Simpatia, a partir das 17h30. A entrada é gratuita.

A campanha não se restringirá apenas a capital. No dia 3 de dezembro, das 8h às 12h, a comunidade de Caucaia receberá o evento. Em seguida, será a vez do município de Juazeiro do Norte, no dia 10 de dezembro, lançar o manual.

Dia 25 de novembro

O dia 25 de novembro marca a luta pela erradicação da violência contra as mulheres e a garantia dos direitos humanos. Nesta data, no ano de 1991, foi iniciada a Campanha Mundial pelos Direitos Humanos das Mulheres, sob a coordenação do Centro de Liderança Global da Mulher, que propôs os 16 dias de Ativismo por conta da Violência contra as Mulheres, começando no dia 25 de novembro e encerrando no dia 10 de dezembro.

Ana Sílvia Magalhães
Assessora de Comunicação
Defensoria Pública do Estado do Ceará
(85) 3101.4372 / 8711.3130
imprensa@defensoria.ce.gov.br
Postar um comentário