domingo, 13 de março de 2011

Lavouras de milho e feijão estão se desenvolvendo bem no sul do Ceará

O reportagem do Globo Rural, realizada pelo jornalista Franzé Souza, mostra a cidade de Farias Brito.

Veja o vídeo da reportagem no site da Globo.com clicando aqui.

Agricultores que plantaram no início de dezembro começaram a colheita.
A maioria dos 28 mil trabalhadores do Cariri pertence à agricultura familiar.

As lavouras de milho e feijão estão se desenvolvendo bem no sul do Ceará. Quem plantou no início de dezembro já começou a colher.

As chuvas de janeiro e fevereiro mudaram a paisagem no sertão do Ceará. Na área de oito hectares em Farias Brito, no sul do estado, o agricultor José Alcântara plantou milho na primeira quinzena de dezembro e já está colhendo as espigas.

Este ano, os produtores esperam colher quase 3,5 mil quilos de milho por hectare, com um crescimento de 80% em relação à safra passada, que ficou quase toda comprometida pela seca.

O agricultor José Luis da Silva está contente porque já começou a colher a roça de feijão de corda. O milho também promete uma boa produção. “Esse ano a situação está bem diferente”, comparou.

A maior parte dos 28 mil trabalhadores rurais do Cariri pertence à agricultura familiar. Eles produzem apenas para o próprio consumo. Mas este ano muitos devem se preparar para vender o excedente da produção.

“O estado está trabalhando, no primeiro momento, com uma superssafra recorde acima de 1,3 milhão de toneladas de grão envolvendo arroz, milho e feijão”, explicou Adonias Sobreira, agrônomo da Ematerce.

O milho na região do Cariri responde por 35% do cereal produzido no Ceará.

 

Postar um comentário