quarta-feira, 9 de março de 2011

Quarta de Cinzas é dia de reflexões

Para alguns, a Quarta-Feira de Cinzas é apenas um feriado que anuncia o fim do Carnaval. No entanto, para os fieis da Igreja Católica a data representa o começo da Quaresma, uma caminhada espiritual de quarenta dias até a chegada da Páscoa.

"É um momento de preparação para a Páscoa, é a conversão das nossas mentes e corações", afirma o padre Francisco Ivan de Souza, pároco da Igreja Nossa Senhora de Fátima e coordenador de Pastorais da Arquidiocese de Fortaleza.

De acordo com ele, na Quaresma, as pessoas são convidadas a refletir sobre seus hábitos e a buscar uma transformação de vida, que começa na igreja, com o recebimento das cinzas, um simples ato que simboliza a purificação dos pecados. "Ao receber as cinzas, o cristão está renovando a opção batismal e afirmando querer ressuscitar com Cristo. É morrer para o pecado e nascer para Deus", explica o pároco.

Por outro lado, o padre diz que a reflexão sem ação não é suficiente para que as mudanças ocorram. Para ele, é necessário que, durante os próximos quarenta dias, todos procurem ajudar mais ao próximo. "Como diz a Bíblia, a fé sem obras é morta. Temos que lutar por uma sociedade mais justa através da partilha", comenta.

CF -2011
Com o tema "Fraternidade e a Vida no Planeta", e lema "A criação geme em dores de parto", a Campanha da Fraternidade deste ano vai abordar diversos problemas ambientais, como o desmatamento e a poluição, fatores que contribuem para o aquecimento global, assunto discutido em todo o mundo.

O tema, escolhido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, tem o objetivo de fazer com que a sociedade se una em defesa da vida. Conforme o padre Ivan Souza, a abertura oficial da Campanha, em todo o Brasil, acontece hoje.

Em Fortaleza, o lançamento será realizado amanhã pelo arcebispo Dom José Antonio Tosi, às 9h, no Centro de Pastoral Maria, Mãe da Igreja.
www.diariodonrdeste.com.br
Postar um comentário