sexta-feira, 29 de abril de 2011

Calendário Ecológico

JANEIRO

01 - Dia Mundial da Paz
11 - Dia do Controle da Poluição por Agrotóxicos

FEVEREIRO

02 - Dia Mundial das Zonas Úmidas
06 - Dia do Agente de Defesa Ambiental
22 - Dia da Criação do IBAMA
28 - Código de Pesca

MARÇO

01 - Dia do Turismo Ecológico
03 - Dia do Meteorologista
08 - Dia Internacional da Mulher
14 - Dia da Poesia
19 - Dia da Escola
21 - Dia Mundial Florestal
21 - Dia Nacional da Terra.
21 - Início do Outono
22 - Dia Mundial da Água
23 - Dia da Metereologia
26 - Dia do Cacau

ABRIL

07 - Dia Mundial da Saúde
12 - Dia do Café
15 - Dia da Conservação do Solo
19 - Dia do Índio
21 - Dia da Latinidade
22 - Dia da Terra
28 - Dia da Caatinga
28 - Dia da Educação

MAIO

01 - Dia Internacional dos Trabalhadores
03 - Dia do Pau-Brasil
03 - Dia do Solo
03 - Dia do Sol
05 - Dia do Campo
10 - Dia do Guia Turístico
13 - Dia da Libertação dos Escravos
13 - Dia do Zootecnista
17 - Dia Mundial das Comunicações
18 - Dia Mundial dos Museus
22 - Dia Internacional da Diversidade Biológica
22 - Dia do Apicultor
23 - Dia Internacional das Comunicações Sociais
25 - Dia do Trabalhador Rural
27 - Dia da Mata Atlântica
29 - Dia do Geógrafo
30 - Dia do Geólogo

JUNHO

01 - Semana Mundial do Meio Ambiente - 01 a 07 de Junho
03 - Aniversário da ECO 92
05 - Dia Mundial do Meio Ambiente
05 - Dia da Ecologia
08 - Dia Mundial do Oceano
17 - Dia Mundial de Luta Contra a Desertificação
21 - Início do Inverno
29 - Dia do Pescador

JULHO

04 - Dia do Cooperativismo
10 - Aniversário de criação do Fundo Nacional do Meio Ambiente
10 - Código das Águas
11 - Dia Mundial da População
12 - Dia do Engenheiro Florestal
13 - Dia do Engenheiro Sanitarista
17 - Dia da Proteção das Florestas
28 - Dia do Agricultor

AGOSTO

01 - Dia do Selo
11 - Dia do Estudante
14 - Dia do Controle da Poluição Industrial
17 - Dia do Patrimônio Histórico
21 - Dia da Habitação
22 - Dia do Folclore
28 - Dia da Avicultura
29 - Dia Nacional de Combate ao Fumo

SETEMBRO

03 - Dia do Biólogo
05 - Dia da Amazônia
07 - Dia da Pátria
08 - Dia Internacional da Alfabetização
09 - Dia do Veterinário
11 - Dia do Cerrado
13 - Dia do Agrônomo
16 - Dia Internacional para a Preservação da Camada de Ozônio
20 - Dia Internacional da Limpeza de Praia
21 - Festa Anual das Árvores
22 - Dia da Defesa da Fauna
23 - Dia do Técnico Agropecuário
23 - Dia da banana
23 - Início da Primavera

OUTUBRO

01 - Dia Internacional das Pessoas da Terceira Idade
01 - Dia Internacional da águas
02 - Dia Nacional do Habitat
04 - Dia do Patrono da Ecologia (S. Francisco de Assis)
05 - Dias das Aves
12 - Dia do Engenheiro Agrônomo
12 - Dia do Mar
12 - Dia de Nossa Senhora Aparecida
15 - Dia do Educador Ambiental
15 - Dia do Professor
16 - Dia Mundial da Alimentação
24 - Dia das Nações Unidas (ONU)
29 - Dia do Livro

NOVEMBRO

05 - Dia da Cultura e da Ciência
05 - Dia do Técnico Agrícola
08 - Dia Mundial do Urbanismo
10 - Dia do Trigo
20 - Dia Nacional da Consciência Negra
22 - Dia da Música
23 - Dia do Rio
30 - Dia da Reforma Agrária (Estatuto da Terra)

DEZEMBRO

03 - Dia Mundial Sem Agrotóxicos
07 - Dia Nacional do Pau-brasil
10 - Dia Internacional dos Povos Indígenas
10 - Dia da Declaração Universal dos Direitos Humanos
14 - Dia do Engenheiro de Pesca
21 - Início do Verão

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Campanha de vacinação contra aftosa começa domingo (1º)

A primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa começa no próximo domingo, dia 1º de maio. A segunda etapa da campanha contra a febre aftosa em 2010, aponta que, 86,16% dos bovinos e bubalinos foram vacinados contra a doença em todo o Ceará. “O número é muito bom, mas vamos continuar trabalhando para aumentar esse índice”, afirma Augusto Júnior, presidente da Adagri.


O objetivo é alcançar a classificação de zona livre de aftosa com  vacinação em 2011 e o reconhecimento internacional até o início de 2012. Hoje, o Ceará está classificado como risco de nível médio de febre aftosa.


Para isso, a Adagri, com o apoio da Secretaria do Desenvolvimento Agrário e do Governo do Ceará, continua o combate à febre aftosa em todo o Estado.  Cerca de 37 mil e 800 proprietários que não compareceram para declarar a vacinação do rebanho na campanha de 2010, mas que foram localizados pelos fiscais e agentes agropecuários receberam notificações (autuação, advertência e/ou abertura de  processo administrativo).  A localização dos  demais cadastrados, cerca de 17% vai continuar este ano durante a campanha de 2011.


27.04.2011

Assessoria de Comunicação da Adagri
Amanda Sobreira – 85 3101 7631/8885 9045/9987 5168

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Leia as Notícias do Cariri todo dia na Internet - JORNAL CHAPADA DO ARARIPE


Em Parceria com o Blog Farias Brito



Leia todo dia as notícias do Cariri na Internet. Descubra o mundo do Cariri, a sua história, a sua cultura e as notícias da região. O Jornal Chapada do Araripe Online é o maior portal do Cariri na Internet. Contendo todas as matérias do Blog do Crato e as notícias das outras cidades do Cariri e Sul do Ceará enviadas por nossos colaboradores, aliando-se a uma qualidade visual de primeiro mundo, é a melhor forma de ver o Cariri na Internet, com qualidade, responsabilidade, e organização das matérias por conteúdo.

São mais de 20 editorias. Quer ler somente crônicas ? Basta clicar em "Crônicas". Há mais de 300 crônicas. Quer ver as últimas notícias do Cariri, do Ceará e do Mundo ? Estão todas lá. E que tal assistir vídeos, ouvir música, e procurar numa base de dados de mais de 15.000 artigos e mais de 120.000 fotos ? Descubra todo o Universo contido no Jornal Chapada do Araripe. O maior Portal do Cariri, acessível agora em todos os seguintes endereços:

www.crato.org/chapadadoararipe

Jornal Chapada do Araripe Online - Um mundo para você descobrir !

De onde vêm as boas ideias de negócio

Por Sergio Tauhata e Rodolfo Araujo*
Uma imagem comum associada a genialidade e imaginação é, sem dúvida, a do físico inglês Isaac Newton com uma maçã nas mãos. Sentado à sombra de uma macieira, o sonolento cientista teria forjado, ali mesmo, sem mover um músculo sequer, o princípio da lei universal da gravidade. A fantasia de que o acaso escolhe as mentes que lhe parecem mais atraentes e as presenteia com sacadas geniais habita o imaginário de todos nós. Cada vez mais, contudo, pesquisadores do mundo inteiro têm mostrado que raríssimas vezes as ideias chegam de surpresa, como meros frutos do destino. Em todas as áreas, da ciência e tecnologia às artes e também no mundo dos negócios, as descobertas apontam para a máxima de Thomas Edison: “Genialidade é 99% de transpiração e 1% de inspiração”.

Na investigação sobre o nascimento de empresas bem-sucedidas apresentadas nesta reportagem, da Coca-Cola ao Twitter, não deparamos com nenhum caso de um sujeito premiado com uma ideia brilhante no meio de um sonho. Vistas com lupa, as fontes de inspiração têm muito menos charme. Advêm, sobretudo, de necessidades triviais, da vontade de resolver um problema e também da observação — ainda que, neste último caso, uma viagem funcione como ótimo veículo de associações inéditas. De acordo com a pesquisadora da Harvard Business School Teresa Amabile — uma das mais renomadas estudiosas das conexões entre gestão e criatividade —, o empreendedor que pretende ser criativo deve ter, antes de mais nada, uma causa. “É preciso haver algo que o impulsione. Ao mesmo tempo, ele deve reunir conhecimentos sólidos e exercitar a capacidade de fazer conexões incomuns que gerem ruptura”, diz ela. Uma grande ideia não necessita, no entanto, ser totalmente revolucionária. Pode representar, como defende Thomas Ward, professor do Center for Creative Media da Universidade do Alabama, um balanço entre novidade e familiaridade. “Empreendimentos criativos devem ser originais o suficiente para capturar a atenção dos consumidores, mas familiares o bastante para não serem rejeitados pelo público”, afirma.

O sistema de fast-food, que rapidamente caiu nas graças de consumidores de todo o mundo, por exemplo, nasceu de um questionamento simples. Os irmãos Richard e Maurice McDonald, donos de um pequeno restaurante em San Bernardino, Califórnia, decidiram pensar em um modo prático de rentabilizar o negócio. A casa chegou a ser fechada para que eles repensassem o modo de produção. Eles notaram que o grosso dos pedidos (e do lucro) vinha dos sanduíches. Pronto: estava criada a primeira linha de montagem de hambúrgueres, e o McDonald’s. Um dos negócios mais badalados da internet, o Twitter, nunca teria nascido se um dos seus fundadores, o programador de softwares Jack Dorsey, não tivesse antes tentado resolver o problema de comunicação em uma empresa que monitorava frotas de táxi em Nova York.

Parafraseando Louis Pasteur, a sorte parece ter mais simpatia por mentes preparadas. Uma mistura explosiva — e criativa — traria ingredientes como experiência e problema. O engenheiro civil brasileiro Alexandre Derani não teria tirado o mesmo proveito de sua viagem à Flórida, e criado o primeiro GPS para veículos, caso não tivesse informação prévia sobre geoprocessamento. O fundador da Starbucks, Howard Schultz, atuava no ramo quando viajou para a Itália e se encantou pelo espresso.

Para o físico e consultor Clemente Nobrega, coautor do livro Innovatrix – Inovação para Não Gênios, a inovação empresarial pode ser aprendida por qualquer pessoa. É preciso, para tanto, método e disciplina. “As grandes ideias não vêm de um processo místico. Qualquer um pode aprender a ser criativo e gerar inovação”, afirma ele, para quem inovar requer uma luta constante com nós mesmos. “Queremos ser criativos, porém nossas mentes não são naturalmente criativas, uma vez que optamos sempre por soluções mais seguras e, portanto, menos arriscadas.” Reunimos, a seguir, um punhado de fatores que certamente têm influência no cultivo de novas ideias. É importante ter em vista, porém, que dar forma a um negócio exige uma boa dose de pertinácia (para não desistir no meio do caminho), estratégia (para implementá-lo corretamente), a costura de uma rede de relações (sempre imprescindível) e rapidez suficiente para o registro de patentes — a controvérsia sobre quem inventou o quê no mundo dos negócios, afinal, é interminável.

QUANDO AS IDEIAS MORREM MESMO ANTES DE NASCER
Três venenos que minam a criatividade e o que todos precisam saber para ficar imunes * PRESSÃO > Sócia da CO.R, consultoria especializada em processos de inovação, a publicitária Rita Almeida considera que a pressão por resultados a que todos estão submetidos nos dias atuais inibe as ideias revolucionárias. “Para desenvolver o seu potencial criativo é preciso, antes de mais nada, querer muito”

* MEDO > A ideia central do recente livro Innovatrix – Inovação para Não Gênios, de autoria dos físicos Clemente Nobrega e Adriano Lima — é de que, para inovar, é preciso eliminar uma contradição básica: “Queremos ser criativos, mas nossas mentes não são naturalmente criativas, uma vez que optamos por soluções sempre mais seguras e, portanto, menos arriscadas”, afirmam eles

* EXCESSO DE INFORMAÇÃO > Para acionar a criatividade, via de regra, é preciso sair da superfície, ir fundo nos processos mentais, estudar, investigar. O problema é que, na era da internet, somos inundados diariamente por uma torrente de informações curtas, instantâneas e, não raro, bastante rasas. No livro recém-lançado “The Shallows”, What the Internet Is Doing to Our Brains (em tradução livre: Os Superficiais, o que a internet está fazendo com os nossos cérebros), o pesquisador Nicholas Carr alerta sobre as consequências de ficarmos conectados 24 horas, sete dias por semana. Segundo ele, para funcionar de modo inventivo, a mente precisa de momentos de pausa e contemplação. Concentrar-se em um objetivo é, portanto, fundamental

Em Farias Brito, falece uma das mulheres mais velhas do Brasil

Faleceu, nesta segunda-feira, no Sítio Contendas, em Farias Brito, uma das mulheres mais idosas do Brasil, Josefa Alves de Moura, a Zefinha, com 108 anos, que no próximo dia 9 completaria 109 anos. Deixa como filhos Maria Alcina, Zulene, Maria de Lurdes, José, Nêumar e Viana Moura e um grande número de netos, bisnetos e tataranetos. Natural do Crato, na juventude residiu próximo do Caldeirão do beato José Lourenço.

Fonte: Diário do Nordeste

terça-feira, 26 de abril de 2011

Agenda de Francis Gomes

Meus queridos, o mês de maio realmente vai ser correria com os lançamentos do meu livro, Ecos do Silêncio.
mas para começar minha  lista de compromisso, que não vai ser pouco para o mês de maio, já começa logo pelo ultimo dia de Abril.
Quem quiser participar comigo nas correria literária está convidado.


30/04/2011 Estarei fazendo uma apresentação com o pessoal da Associação cultural Literatura no Brasil no Festival de Cultura de Suzano no  Parque Municipal Max Feffer esquina das avenidas Brasil e Senador Roberto Simonsen – Jardim Imperador, a parti das 15 horas

01/05/2011 Estarei fazendo uma apresentação na festa em homenagem aos trabalhadores na Associação Cultural Suzanense Bukio, na Av: Armando Sales de Oliveira, 444 Centro de Suzano. aparti das 14 horas.

04/05/2011 No ponto de cultura Circulo das Letras, no projeto comunidade do conto, localizado no Bairro Jardim Revista, rua Bandeirante 606, aparti das 19 horas.

10/05/2011  Lançamento do meu livro na livraria Suburbano Convicto, do escritor e apresentador Alessando Buzo no Bixiga, São Paulo, as 20 horas.

11/05/2011 Lançamento do livro no espetacular e badalado Sarau da Cooperifa. Projeto do Grande poeta  Sérgio Vaz, aparti das 20 horas.

21/05/2011 Lançamento no Sarau O que Dizem os Umbigos na Casa de Cultura do Itaim Paulista. as 18 horas.

28/05/2011 Lançamento no Sarau dos Mesquiteiros, Projeto do meu amigo, poeta e professor Rodrigo Siríaco, em Ermelino Matarazzo. aparti das 19 horas.

E em Junho se tudo der certo e o Criador me permitir estarei fazendo um lançamento em Farias Brito minha cidade natal no Ceará.


Vida de poeta, é assim uma emoção a cada dia,e em cada dia uma história para contar.

Abraço a todos

Francis Gomes

http://www.poetafrancisgomes.blogspot.com/



ESCOLA GABRIEL BESERRA DE MORAIS HOMENAGEIA DESEMBARGADOR

O Dr. Francisco Darival Beserra Primo foi também homenageado pela Escola Gabriel Beserra de Morais no último 19 de abril na cidade de Farias Brito.

O novo Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará realizou palestra incentivando a todos os estudantes da Escola a estudarem.

O Dr. Darival chegou a Escola acompanhado de autoridades municipais.

Dr. Darival e o Prefeito Municipal dr. Vandevelder visitando a biblioteca da Escola.

O Diretor da Escola Gabriel Beserra de Morais, Professor Devânio Fidelis, falou a todos os presentes  e disse do prazer da Escola ter o nome do Pai do homenageado.

Professores e funcionários.

Alunos da Escola participaram da homenagem ao ilustre filho de Farias Brito.





GASOLINA " Preço Explorador "

Disseram que o problema da alta da gasolina era porque o álcool aumentou de preço. Mentira! Em Brasília, a gasolina COMUM ( sem álcool ) já é vendida a mais de 3 Reais o litro. O dado concreto e objetivo, como já dizia um ex-presidente, é que o monstro da inflação, que haviam colocado dentro de um bloco de gêlo, está finalmente acordando, e o gêlo está se derretendo...

A Petrobras não está conseguindo atender a totalidade das encomendas das distribuidoras. Motoristas que tentaram abastecer seus carros em alguns postos de combustível do interior de São Paulo, Brasília, Fortaleza, Manaus Etc. Durante o feriado prolongado encontraram bombas de gasolina secas.
Cuidado com o Monstro da INFLAÇÃO !
Fonte de Pesquisa - Blog do Crato




segunda-feira, 25 de abril de 2011

Campanha de vacinação contra a gripe começa nesta segunda

 

Ação pretende imunizar 23,8 milhões de pessoas, segundo o Ministério.
Neste ano, gestantes e crianças de até 2 anos também devem ser vacinadas.

Começa nesta segunda-feira (25) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. A ação, que se estende até 13 de maio em 65 mil postos pelo país, pretende imunizar 23,8 milhões de pessoas – 80% da população alvo.
Segundo o governo, a partir deste ano, além de idosos e populações indígenas, deverão ser imunizadas crianças entre 6 meses e 2 anos, gestantes e profissionais da saúde. A ampliação do público da campanha foi estabelecida porque as complicações da influenza (pneumonias bacterianas ou agravamento de doenças crônicas já existentes, como diabetes e hipertensão) são mais comuns nesses grupos.
A vacina a ser distribuída protege contra os três principais vírus que circulam no hemisfério sul, entre eles o da influenza A (H1N1).Para a realização da campanha, o Ministério da Saúde distribuiu cerca de 32 milhões de doses da vacina contra a influenza.
Para a vacinação de crianças, a orientação do Ministério da Saúde é que os pais levem seus filhos duas vezes aos postos de vacinação, para a aplicação de meia dose em cada vez. É essencial que a criança retorne ao posto de saúde 30 dias após receber a primeira dose da vacina para que seja aplicada a segunda dose.
A vacina é segura, segundo o Ministério. Apenas não devem ser imunizadas pessoas com alergia à proteína do ovo. Pessoas com deficiência na produção de anticorpos, seja por problemas genéticos, imunodeficiência ou terapia imunossupressora, devem consultar um médico antes da vacinação.
 

sábado, 23 de abril de 2011

ROSILDA MENEZES COMEMORA ANIVERSÁRIO COM FAMILIARES

ROSILDA MENEZES, residente  em Fortaleza e trabalhando na área de Processamento de Dados, esteve nestes feriados da Semana Santa na sua terra natal, e na Chácara do cunhado Bené/Roseli no Lamaju (Farias Brito), comemorou nova data de aniversário.


Rosilda com a mãe Mundinha.



Os Primos Yuri, Aureliano e Taciano presentes ao evento.

Primos de Fortaleza Sérgio e Galvão com Dr. Marco Aurélio.

Grande número de familiares de todos os lugares prestigiaram o aniversário da querida prima ROSILDA.




Minha terra


Terra de amor eterno
Jamais te esquecerei
Meu ninho acolhedor
Sonho que sempre sonhei
Amo-te de tal forma
Que nunca imaginei.

Ao ouvir todas as manhãs
O canto dos passarinhos
Parecem hinos cantados
Na voz de anjos divinos.
Suspiros soltos no ar
Murmuro sem ter destino.

Terra sagrada sem guerra
Cofre de paz e de luz,
De vales fecundos que correm,
As águas do Carius,
Do verbo fei-se princípio
Coroa da tua cruz

Por mais longe que eu vá
Não te esqueço um segundo
Sou um patriota nato
De sentimento profundo
Faz parte da minha história
Eis minha terra meu mundo.


Francis Gomes

http://www.poetafrancisgomes.blogspot.com/

Campanha de vacinação contra a gripe começa nesta segunda-feira

Neste ano, a campanha nacional de vacinação contra a gripe, que começa segunda-feira (25/4), tem como meta a imunização de 23,8 milhões de pessoas. A partir deste ano, além de idosos e indígenas, crianças entre 6 meses e 2 anos de idade, grávidas e profissionais de saúde também serão vacinados.

A vacina protege contra os três vírus que mais circulam no Hemisfério Sul, inclusive o da influenza A (H1N1) – gripe suína.

No caso das crianças, a vacina é aplicada em duas etapas. Na primeira vez, é aplicada meia dose. No mês seguinte, os pais devem voltar ao posto de saúde para que seja aplicada mais meia dose na criança.

A vacina é contraindicada para quem tem alergia a ovo. Quem apresenta deficiência na produção de anticorpos, deve consultar antes um médico.

Estudos indicam que a vacina contra gripe reduz em até 45% as internações por pneumonia na população com mais de 60 anos de idade.

O Ministério da Saúde distribuiu 33 milhões de doses para estados e municípios, a maior parte para a Região Sudeste, 14,3 milhões.

No dia 30 de abril, um sábado, será o dia nacional de mobilização quando os 65 mil postos de saúde do país ficarão abertos durante todo o dia para vacinar a população. A campanha segue até o dia 13 de maio.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Entenda o significado do beijo na Cruz na Sexta-feira Santa


Em todo o ano, existe somente um dia em que não se celebra a Santa Missa: a Sexta-Feira Santa. Ao invés da Missa temos uma celebração que se chama Funções da Sexta-feira da Paixão, que tem origem em uma tradição muito antiga da Igreja que já ocorria nos primeiros séculos, especialmente depois da inauguração da Basílica do Santo Sepulcro e do reencontro da Santa Cruz por parte de Santa Helena (ano 335 d.C.).

Esta celebração é dividida em três partes: a primeira é a leitura da Sagrada Escritura e a oração universal feita por todas as pessoas de todos os tempos; a segunda é a adoração da Santa Cruz e a terceira é a Comunhão Eucarística, juntas formam o memorial da Paixão e Morte de Nosso Senhor. Memorial não é apenas relembrar ou fazer memória dos fatos, é realmente celebrar agora, buscando fazer presente, atual, tudo aquilo que Deus realizou em outros tempos. Mergulhamos no tempo para nos encontrarmos com a graça de Deus no momento que operou a salvação e, ao retornarmos deste mergulho, a trazemos em nós.

Os cristãos peregrinos dos primeiros séculos a Jerusalém nos descrevem, através de seus diários que, em um certo momento desta celebração, a relíquia da Santa Cruz era exposta para adoração diante do Santo Sepulcro. Os cristãos, um a um, passavam diante dela reverenciando e beijando-a. Este momento é chamado de Adoração à Santa Cruz, que significa adorar a Jesus que foi pregado na cruz através do toque concreto que faziam naquele madeiro onde Jesus foi estendido e que foi banhado com seu sangue.

Em nosso mundo de hoje, falar da Adoração à Santa Cruz pode gerar confusão de significado, mas o que nós fazemos é venerar a Cruz e, enquanto a veneramos, temos nosso coração e nossa mente que ultrapassa aquele madeiro, ultrapassa o crufixo, ultrapassa mesmo o local onde estamos, até encontrar-se com Nosso Senhor pregado naquela cruz, dando a vida para nos salvar. Quando beijamos a cruz, não a beijamos por si mesma, a beijamos como quem beija o próprio rosto de Jesus, é a gratidão por tudo que Nosso Senhor realizou através da cruz. O mesmo gesto o padre realiza no início de cada Missa ao beijar o Altar. É um beijo que não pára ali, é beijar a face de Jesus. Por isso, não se adora o objeto. O objeto é um símbolo, ao reverênciá-lo mergulhamos em seu significado mais profundo, o fato que foi através da Cruz que fomos salvos.

Nós cristãos temos a consciência que Jesus não é apenas um personagem da história ou alguém enclausurado no passado acessível através da história somente. "Jesus está vivo!" Era o que gritava Pedro na manhã de Pentecostes e esse era o primeiro anúncio da Igreja. Jesus está vivo e atuante em nosso meio, a morte não O prendeu. A alegria de sabermos que, para além da dolorosa e pesada cruz colocada sobre os ombros de Jesus, arrastada por Ele em Jerusalém, na qual foi crucificado, que se torna o simbolo de sua presença e do amor de Deus, existe Vida, existe Ressurreição. Nossa vida pode se confundir com a cruz de Jesus em muitos momentos, mas diante dela temos a certeza que não estamos sós, que Jesus caminha conosco em nossa via sacra pessoal e, para além da dor, existe a salvação.

Ao beijar a Santa Cruz, podemos ter a plena certeza: Jesus não é simplesmente um mestre de como viver bem esta vida, como muitos se propõem, mas o Deus vivo e operante em nosso meio.

Por Padre Antônio Xavier
Comunidade Canção Nova, Terra Santa

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Emoção marca visita do Desembargador Darival Bezerra à EEFM Getúlio Vargas

Fonte: EEFM Getúlio Vargas

O Desembargador Francisco Darival Bezerra Primo, visitou hoje, 19 de abril de 2011, a Escola de Ensino Fundamental e Médio Getúlio Vargas (Farias Brito), onde cursou o 1º ano do Ensino Fundamental no ano de 1958, tendo como Professora Maria Lisieux Costa Araújo. Ao chegar à escola, foi recebido com muita emoção por esta professora. Em solenidade de homenagem, a escola apresentou algumas manifestações de carinho e amizade ao ex-aluno, hoje um dos mais ilustres da cidade, tais como:

- Apresentação de um cordel composto pelos alunos Enrique Bruno e Renata, contando a vida do homenageado;
- Entrega de um álbum de memórias, relatando, através de fotos, momentos de sua vida na escola e na cidade de Farias Brito;
- Entrega de uma blusa da farda escolar, simbolizando a sua passagem por aqui.

Emocionado, com os olhos marejados de lágrimas, o Desembargador expressou o seu carinho e admiração pela homenagem recebida agradecendo e compartilhando-as com todos os seus conterrâneos.








Descubra qual é a fórmula que mostra se os números impressos no plástico são falsos ou não



por Patrícia Machado e Adriana Wilner
R: De acordo com a Federação Brasileira dos Bancos, fraudes com cartões de crédito e débito somaram R$ 900 milhões em 2010. “Ladrões são muito criativos e sempre procuram uma forma de trapacear”, diz Maurício Icaza, diretor de operações do Bradesco Cartões. Um jeito simples para tentar evitar falcatruas e clonagens é prestar atenção aos dados impressos no plástico. Assim como notas de dinheiro legítimas contêm marcas-d’água e letras mínusculas que só podem ser identificadas com lupa, cartões também vêm com informações para provar sua veracidade. “Os números mostram desde o básico, como a bandeira, até fórmulas que são conhecidas apenas pelas organizações bancárias”, afirma Henrique Takaki, coordenador do Comitê de Segurança da Associação Brasileira de Cartões de Crédito e Serviço. Confira, a seguir, o que há por trás dos cartões.

terça-feira, 19 de abril de 2011

O sentido da Semana Santa

Será que já nos perguntamos qual é o significado da Semana Santa na nossa vida? E na vida das pessoas com as quais convivemos? Fácil imaginar. Difícil responder.
Durante a Semana Santa celebra-se o Tríduo Pascal da Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor. O Tríduo tem início na Quinta-feira Santa, com a missa da Ceia do Senhor, marcada pela recordação da instituição da Eucaristia e o Lava Pés. Na Sexta-feira Santa é presidida uma liturgia sóbria, não eucarística, com a representação da Paixão e Morte de Jesus na cruz. O momento mais importante de toda essa liturgia é a Vigília Pascal no Sábado Santo, ou Sábado de Aleluia. Ela é o mistério da redenção humana, da renovação do batismo, pelo qual morremos e ressuscitamos como Cristo. É a Ressurreição do Senhor!
Atualmente, para muitos, a Semana Santa é momento de descanso, de viagem, de compras de ovos de Páscoa; é mais uma oportunidade consumista. Podemos observar como a mídia modificou o contexto da celebração da Paixão e Morte de Cristo, citando a Nova Jerusalém, um teatro ao ar livre, que acontece no município de Brejo da Madre de Deus, em Pernambuco. Anúncios em revistas, sites e tv’s divulgam a Paixão e Morte de Jesus, não com “fervor”, mas com a finalidade de levar os espectadores a “adorarem” aos famosos atores que encenam o que deveria representar uma vida de entrega total ao Pai e ao serviço dos irmãos; o amor Daquele que morreu na cruz para nos salvar. Entretanto, o espetáculo é popular. Aproximadamente 500 pessoas (atores e figurantes) vivem o seu momento de “celebridades”. Virou banalização. Será que a fé existe entre essas pessoas?
É importante, e necessário, encontrarmos o verdadeiro sentido da celebração da Semana Santa na nossa vida de cristãos.
Páscoa é tempo de mudança de mente, de coração, de esperança, de perspectivas…É tempo de renovação da fé. É vida nova…em Cristo!
“É o momento de sair da reclusão de nosso mundo para entrar na grande casa de Deus; romper com o tradicional para acolher a surpresa; deixar a margem conhecida para vislumbrar o outro lado; abandonar a piedade e a perfeição pessoais por uma oração mais profunda e contemplativa; afastar a pedra da entrada do coração para viver com mais criatividade…Isso significa vida de ressuscitados.”
Na Formação do GPP do dia 31 de março – Tema Liturgia da Semana Santa, presidida pelo seminarista Reginaldo Sarto, refletimos o significado dessa Semana, que é Santa, e deve ser vivida como tal.
*Reginaldo é seminarista, trabalha com a formação de jovens e é professor de Ensino Religioso no Colégio dos Jesuítas.

Tancredo Lobo: “O comunismo contribui para minha existência”

Poeta, cronista, facilitador de Biodança e autor de livros sobre Educação, o professor Tancredo Lobo fala da sua trajetória e sobre as influências de suas vivências na formação humana e política. Na entrevista, o professor destaca que o Partido Comunista contribuiu para a sua existência.

Tancredo Lobo "A literatura não fica isenta às influências políticas", afirma o professor.

Leia a seguir a entrevista concedida ao Blog das Entrevistas:

Quem é Tancredo Lobo?
Eu sou um sonhador. Trabalho na Universidade Regional do Cariri (URCA). Sou professor. Também trabalho como facilitador de Biodança, tenho um grupo no campus Itaperi, da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Nasci no Crato, passei parte da infância no sítio Lagoa de Dentro, em Farias Brito. Hoje, moro entre Crato e Fortaleza. Sou um cara batalhador que luta para negar o destino de grandes dificuldades das minhas famílias.

Quando teve início seu trabalho literário?
O primeiro poema que escrevi foi aos 11 anos, quando cursava a 5ª série, e participei de um festival na escola. Ganhei o primeiro lugar e ganhei um dicionário da Fenama.

Quais as suas influências?
A vivência na roça; meus familiares, especialmente minha tia Beatriz; alguns dos meus professores; a participação no movimento social (cultural, estudantil, partido político PCdoB); a cultura popular; a música popular brasileira; a literatura brasileira; mais recentemente, a Educação Biocêntrica. Então, são influências diversas que vão acontecendo ao longo da vida.

Na década de noventa do século passado foi lançado o livro Em Obras de sua autoria. Você continua escrevendo contos e poesias?
Continuo a escrever, porém bem menos porque, pelo menos nos últimos quatro anos estive a preparar uma tese de doutorado. Agora vou juntar uns textos (poemas e crônicas) para publicar, enquanto isso, começo o trabalho de escritura de um romance sobre amor e ódio.

O que representa a literatura na sua vida?
Para mim, a literatura é uma importante forma de expressão. Além disso, um campo de diálogo de ideias e ideologias. A literatura não fica isenta aos determinismos econômicos, políticos, sociais, culturais, psicológicos, pessoais e comunitários.

Como você compreende a relação da literatura e da política?
Por tudo que falei, essa relação é estreita. A literatura, embora muitos tentem, como qualquer atividade humana, não fica isenta às influências políticas. A literatura é uma sofisticada e sutil forma de fazer política, aqui entendida como forma de conscientização e educação.

Por muitos você militou ativamente no Partido Comunista do Brasil. Essa militância contribuiu na sua produção literária?
Contribuiu com a minha existência. Pela vivência no Partido e a convivência com inúmeras pessoas muito importantes para mim, eu pude enxergar com mais nitidez a minha própria trajetória e as forças que se debatem no mundo. É claro que isso está presente em tudo que faço: uma aula, uma palestra, uma tese, um poema.

Da década de oitenta do até os dias atuais, você percebe alguma diferença na sua produção literária?
Sim. Além de maturidade, acho que agregou mais qualidade. Mas as pessoas é que podem dizer melhor a partir das suas leituras. Na qualidade de produtor, acho caminho para mais qualidade em tudo que faço.

Você desenvolve um trabalho de Biodança. Fale deste trabalho.
Biodança é um sistema de desenvolvimento humano. Não é uma psicologia, uma terapia, embora tenha grandes efeitos terapêuticos. Funciona em grupo e se apoia na música, movimento e vivência emocionada. Fiz formação de facilitador de Biodança pela Escola de Biodança do Ceará e facilito um grupo há três anos, o qual funciona toda quinta-feira, à noite, no campus Itaperi, da UECE, em Fortaleza. Sou muito comprometido com esse trabalho porque vejo o comprometimento das pessoas do grupo e acompanho o seu desenvolvimento e as mudanças que vão empreendendo nas suas vidas.

Quais os seus próximos trabalhos?
Estou escrevendo uma monografia sobre Cultura Biocêntrica, que deverei publicar em livro. Continuo escrevendo meus poemas, que também pretendo reunir em livro. E aquele empreendimento da escrita do romance, este um grande trabalho.

Fonte: Blog das Entrevistas

domingo, 17 de abril de 2011

O 1º Governador em Santana do Cariri - Por Iari Lacerda


Santana amanheceu fria. Uma leve neblina tomara conta da cidade. A serra estava branca de névoa. Corria na cidade o boato de que neste dia chegaria o governador do ceará.

Ninguém nunca vira um governador. Como seria? Um homem fardado com um chapéu e uma espada? E o que viria fazer?

Logo as ruas se enfeitaram com bandeirolas. Os pífaros desfilavam nas ruas com suas músicas típicas e a banda de música executava os dobrados e músicas de época ,onde se destacavam as músicas de Chiquinha Gonzaga.

Uma comitiva, representando as lideranças santanenses foi esperá-lo na serra do Buriti.

O governador era um homem comum, o primeiro a pisar no solo santanense, João Tomé de Sabóia e Silva que governou o estado de 1916 a 1920.

A representação encontrou o governador montado numa burra preta, do prefeito de Missão Velha; animal que se destacava pelo andar macio e pela sua resistência nas grandes cavalgadas.

Na comitiva do governador se encontrava o jornalista Leonardo Mota. Quando desceram parte da serra apearam dos animais; e se deslumbraram diante da beleza da serra. Depois de uns vinte minutos, continuaram descendo até Santana do Cariri. Ao chegarem hospedaram-se na casa que foi de Raimunda Linard, depois residência de Manoel Aquino de Lacerda; e que até bem pouco tempo pertencia a Luís Gomes Linard. O mesmo teve o mérito de conservá-la com as mesmas características daquela época. Hoje pertence aos seus descendentes e se localiza na rua: Dr. José Augusto com lateral na rua: Luís Furtado de Lacerda; em frente ao Museu Paleontológico.

A cidade era uma festa. Vinha gente de todos os distritos.Pela manhã o governador andou pelas ruas , apreciou o gosto da mangaba, do tijolo de buriti; sempre acompanhado de uma grande comitiva.

O Coronel Filinto da Cruz Neves ofereceu um banquete regado a vinho, segundo Raimundo Tavares Campos discursaram: Aprígio Cruz, que depois foi prefeito de Santana, Antonio Correia Lima, Luís Furtado de Lacerda, Antonio Teixeira, tabelião e parente do padre José Galdino Teixeira, assassinado em 30 de maio de 1844. Depois, houve o agradecimento de Leonardo Mota e do Governador, que emocionado disse: "levarei para sempre a beleza desta terra e o acolhimento desta gente hospitaleira"; e assim, depois de dois dias de festa o povo se despede de um governador que quebrou todo o protocolo e conviveu como um mortal comum.

O comentário durou dias e o arrependimento daqueles que não foram ver um fato inédito: um governador em Santana do Cariri.

Iari Gomes Lacerda
Odontólogo

Fotografia: Yuri Lacerda
Meus queridos a Associação Cultural Literatura no Brasil tem cada dia dado vôos mais altos, desta fez foi convidada a fazer um sarau na virada cultural em São Paulo. O palco da Santa Ifigênia foi o local do show de músicos, poeta, poetisas e cordelista. A Associação fez bonito contagiando o povo com seus trabalhos, cada um com seu estilo. E o melhor, pela primeira vez foi feito sarau na virada cultural, o que significa que estamos no caminho certo, e que a literatura hoje, está acessível em todos os lugares desde a periferia aos grandes centros saudando com alegria, nossa gente, como diz o grande poeta Sergio Vaz:
Povo lindo, povo inteligente.
E outro grande poeta Marco pezão.
Nós é ponte e atravessa qualquer rio.

Agora a Associação Cultural Literatura no Brasil, é simplesmente um Tsunami de literatura, cultura e arte, de povo lindo e inteligente para um povo lindo e inteligente.

Francis Gomes


Francis Gomes no pauco

Francis Gomes perto do povão fazendo cordel

Cris

Mácio San

Dona Elizabete

Nelsom Olavo

A dupla Landy e Landinha

Passarinho e Sacola cantando coco

E esta moça bonita que esqueci o nome fazendo cordel,
Francis Gomes não está sozinho na loucura do cordel.

Sacolinha e Mano Cákis