quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Lista revela os 50 pensadores mais influentes do mundo corporativo

Por Adriana Fonseca | Valor


Divulgação
Clayton Christensen (à esq.) foi eleito o pensador mais influente do mundo dos negócios na lista organizada por Des Dearlove, da consultoria Crainer Dearlove

SÃO PAULO - O pensador mais influente no mundo dos negócios é Clayton Christensen, segundo o levantamento Thinkers 50, feito a cada dois anos pela equipe de consultores da Crainer Dearlove. Christensen é professor da Harvard Business School e autor de vários best-sellers, entre eles "The Innovator’s Dilemma". Na edição anterior, de 2009, o indiano CK Prahalad foi eleito o pensador mais influente do mundo dos negócios.

O segundo lugar da lista ficou com os autores do livro "A Estratégia do Oceano Azul", W. Chan Kim e Renée Maborgne, e na terceira posição aparece Vijay Govindarajan, professor de negócios internacionais na Tuck School of Business e considerado um dos maiores especialistas em estratégia e inovação.

Completam as dez primeiras colocações Jim Collins, Michael Porter, Roger Martin, Marshall Goldsmith, Marcus Buckingham, Don Tapscott e Malcolm Gladwell. Também aparecem na lista o reitor da Harvard Business School Nitin Nohria, o escritor Daniel Pink, autor de "Motivação 3.0", e Henry Mintzberg, renomado pensador da administração e autor de mais de 15 livros sobre gestão. Para conhecer todos os 50 pensadores mais influentes do mundo corporativo, acesse o site da premiação. Neste ano, 11 mulheres figuram entre os 50 mais influentes.

A lista é formada com base na opinião de um time de conselheiros de várias partes do mundo, que incluem profissionais da IE Business School, McGraw Hill, Oxford University e Financial Times Prentice Hall, entre outros.

(Adriana Fonseca | Valor)

Postar um comentário