domingo, 27 de maio de 2012

Eleições Municipais

Dom Fernando Arêas Rifan
Bispo da Administração Apostólica Pessoal
Já se aproximam as eleições municipais e gostaria de, a tempo, alertar sobre os critérios de uma boa votação.  Embora não tenha nenhum partido político nem faça campanha partidária, a Igreja pode e deve orientar os seus fiéis sobre a importância de seu voto consciente e correto.
“A Igreja não pode nem deve tomar nas suas próprias mãos a batalha política... não pode nem deve se colocar no lugar do Estado. Mas também não pode nem deve ficar à margem na luta pela justiça. Deve inserir-se nela pela via da argumentação racional e deve despertar as forças espirituais, sem as quais a justiça... não poderá firmar-se nem prosperar” (Papa Bento XVI, Deus caritas est, n. 28).
Infelizmente, a corrupção eleitoral ainda é um problema enraizado na mentalidade do nosso povo. Muitos acham natural a troca do voto por algum favor do candidato. É preciso instalar uma nova consciência política e mudar a situação com o nosso voto. Voto não se vende. “Voto não tem preço, tem consequências”. Não vote apenas levado pela propaganda, pela maioria, pelo interesse financeiro pessoal ou por pressão. Cada um é responsável pelo seu voto e suas consequências.
Na doutrina social da Igreja, “política” é “uma prudente solicitude pelo bem comum” (João Paulo II, Laborem exercens, 20). “Os fiéis leigos não podem de maneira nenhuma abdicar de participar na ‘política’, ou seja, na multíplice e variada ação econômica, social, legislativa, administrativa e cultural, destinada a promover de forma orgânica e institucional o bem comum” (João Paulo II, Christifideles laici, 42).
Assim, os Bispos do Estado do Rio de Janeiro fizemos a seguinte alerta conjunto:
ELEIÇÕES MUNICIPAIS – 2012  VOTE BEM !  VOTE MELHOR!
Seu voto para escolher o Prefeito e Vereadores é importante. Depende de você que o nosso município seja governado por pessoas que desejam o bem de todos. Quem não cuida honestamente de seus negócios pessoais ou empresas não tem condições de representar o povo na Prefeitura nem na Câmara de Vereadores. Escolha candidatos que não trocam seu voto por tijolos, bolsas de alimentos, remédios, promessas ilusórias para melhorar seu bairro.
Vote: Em candidatos que respeitam e valorizam a família. Em candidatos com ficha limpa: não queremos pessoas que pela corrupção aumentem seus bens.
Em quem valoriza a educação das crianças, adolescentes e jovens, o ensino religioso nas escolas e o atendimento melhor à saúde. Em quem respeita a vida em todas as idades e é contra o aborto. Em quem respeita o equilíbrio da natureza - florestas, rios-, promove o saneamento básico e a construção de moradia em lugares sem risco. Em quem apresenta projetos práticos por transporte digno para a população. Em quem se compromete com uma organização eficaz para a segurança e paz da sociedade.
Vote bem!  Vote melhor!
Fonte: www.cnbb.org.br
Postar um comentário