sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Filme `Sedição de Juazeiro´ é lançado no Memorial Padre Cícero

Demontier Tenório
Cartaz do filme lançado na noite desta quinta-feira em Juazeiro. (Foto: Demontier Tenório)
Mais um filme sobre Juazeiro do Norte e o Padre Cícero, cujas histórias se confundem, foi lançado na noite desta quinta-feira no auditório do Memorial Padre Cícero. “Sedição de Juazeiro” tem duração de 140 minutos e é dirigido por Daniel Abreu com roteiro de Jonas Luís da Silva e produção de Jeanne Feijão. O ato reuniu autoridades, profissionais liberais, historiadores e acadêmicos e se inseriu na programação do Encontro de Culturas do Cariri que termina nesta sexta-feira.

Esse evento é promovido pelo Ministério da Cultura e reúne, desde ontem, 32 municípios da região com o objetivo de fortalecer políticas culturais e discutir a adoção do Sistema Municipal de Cultura, que prevê o gasto de parte da arrecadação na área cultural. Quanto ao filme, o elenco conta com atores como Ary Sherlok (Padre Cícero), Magno Carvalho (Floro Bartolomeu), Fernando Cattony e outros cerca de 200 atores, entre coadjuvantes e figurantes.

Ator Ary Sherlok interpretou o Padre Cícero e estava no meio da platéia no Memorial. (Foto: Demontier Tenório)

A gravação durou dois anos entre os municípios de Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Quixeramobim, Quixadá e Iguatu. Em Fortaleza, foi reconstituída toda a cena do baile do Pacto da Amizade, tendo como local o prédio da antiga Assembléia Legislativa do Estado, hoje Museu do Ceará. Já no Rio de Janeiro, foi reconstituído o episódio da conversa entre Floro Bartolomeu e o então presidente da República, Hermes da Fonseca.

A base principal do filme remonta ao ano de 1914 quando aconteceu o chamado movimento sedicioso com uma guerra entre as oligarquias cearenses e o governo federal. O movimento liderado por Floro Bartolomeu foi confrontado com tropas enviadas pelo governo estadual, culminando com a deposição do governo Franco Rabelo. Votando um pouco na história, a produção conta sobre a luta em prol da emancipação política de Juazeiro cerca de três anos antes da Guerra de 14 no Cariri.

Jonas Luis da Silva, de Icapui, fez uma apresentação do filme (Foto: Demontier Tenório)

Na época, o Padre Cícero se tornou um grande líder político na região do Cariri e a cidade que o mesmo fundou ficou poderosa. O filme já foi lançado em Fortaleza, no último dia 22, tendo como lugar um dos auditórios da Assembléia Legislativa do Ceará. Ele detalha sobre o movimento sedicioso quando as tropas do governador Franco Rabelo enviadas da capital, foram derrotadas em Juazeiro. Nisso, as lideranças locais foram lá e o depuseram do cargo.
Fonte: www.miseria.com.br

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Governo prorroga IPI menor para carros, linha branca e móveis

Benefício para veículos será mantido até outubro, informou Guido Mantega.
Se não fosse renovado, corte no imposto começaria a vencer na sexta (31).

 

Fábio Amato Do G1, em Brasília
 
O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quarta-feira (29) a prorrogação da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para vários setores, entre eles a linha branca e os automóveis. O benefício começaria a vencer na próxima sexta (31).
Para os produtos da chamada linha branca – que inclui fogões e geladeiras – o benefício foi prorrogado até dezembro. No caso dos veículos, o IPI menor foi estendido até outubro.
O ministro também anunciou a prorrogação do corte do IPI para móveis, painéis e laminados, para materiais de construção e para bens de capital. Para esses setores, o benefício venceria entre setembro e dezembro. Em alguns casos, a prorrogação vai até o fim de 2013.
De acordo com Mantega, a renúncia fiscal (valor que o governo deixa de arrecadar), de setembro de 2012 até dezembro de 2013, será de R$ 5,5 bilhões.
“A economia brasileira já está numa gradual recuperação. Porém, ainda é preciso continuar dando estímulo pra os investimentos e para o consumo”, disse o ministro, que também anunciou linhas de financiamento e redução de juros para aquisição de máquinas, equipamentos e caminhões.

A redução de IPI é uma das medidas adotadas pelo governo para tentar incentivar o consumo e, com isso, aquecer a economia e elevar o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) num momento em que o país sente os efeitos do agravamento da crise internacional.

Em todos os casos, informou o ministro, houve manutenção dos cortes sobre a alíquota do IPI que já vinham sendo praticados.

“Espero que, com as medidas que estamos tomando e a redução de preços, um dia os brasileiros tenham oportunidade de comprar carros aqui dentro pelo mesmo preço praticado lá fora"
Guido Mantega, ministro da Fazenda
Veículos
O corte do IPI, no caso dos veículos, depende da potência do motor e do local em que ele é produzido (se nacional ou importado). Para carros novos com motor de mil cilindradas (1.0) e fabricados no Brasil, que são os mais vendidos, a alíquota normal do imposto foi de 7% para 0%.
Já para os importados com o mesmo tipo de motor, a alíquota foi de 37% para 30%.
Mantega afirmou que o benefício para as montadoras será estendido por tempo menor porque "a reação do setor [às medidas de estímulo] foi mais rápida e o custo da desoneração é maior." A renúncia fiscal do governo em favor dos fabricantes de veículos, apenas entre setembro e outubro, vai ser de R$ 800 milhões.
Segundo o ministro, as vendas de carros novos no segundo trimestre de 2012 tiveram alta de 33,4% sobre o primeiro trimestre.

Linha branca e material de construção
Os eletrodomésticos da linha branca também têm corte variado. Para fogões, a alíquota, que era de 4% antes dos cortes, foi mantida em 0%. No caso de máquinas de lavar, era de 20% e fica em 10%. As geladeiras tinham IPI de 15% e agora é de 5%. Para os tanquinhos, que tinham incidência de 10%, fica em 0%.

No caso dos materiais de construção, o corte no IPI valeria até o fim de 2012 e foi prorrogado até o fim de 2013. O benefício inclui uma série de produtos, entre eles cimento, tintas, vernizes, dobradiças, chuveiros e telhas. Com o corte no imposto, a alíquota do imposto sobre esses itens varia entre 0% e 10%.

O ministro anunciou ainda a inclusão de novos itens na lista de materiais de construção que vão contar com IPI reduzido a partir de setembro. Entre eles estão piso laminado, piso de madeira sólida e placas de gesso, cujo imposto cai de 5% para 0% até o final de 2013.

Já para os bens de capital (máquinas e equipamentos), que contariam com IPI zerado até 31 de dezembro, o benefício foi estendido para o fim de 2013. Entre os itens contemplados, estão equipamento de refrigeração, partes e acessórios de máquinas e bombas centrífugas.
IPI prorrogado agosto 2012 (Foto: Editoria de Arte/G1)
Manutenção de empregos
Mantega afirmou que a prorrogação do IPI menor a esses setores continua condicionada à manutenção de empregos e repasse do benefício aos consumidores.

O ministro disse que os dados demonstram que a redução do imposto tem chegado aos consumidores por meio de preços mais baixos. “Os preços desses produtos têm caído. Tivemos algumas oscilações, mas os fabricantes têm repassado a redução para os consumidores”, disse.

Ele declarou ainda que não descarta novas medidas de desoneração e redução de custos, “embora a economia já esteja dando sinais de reação.”

Questionado sobre a rentabilidade das montadoras presentes no país e se a considerava alta, Mantega disse que não tem informações sobre o assunto, mas que espera uma redução ainda maior no valor dos carros nacionais.

“Espero que, com as medidas que estamos tomando e a redução de preços, um dia os brasileiros tenham oportunidade de comprar carros aqui dentro pelo mesmo preço praticado lá fora”, disse.
Reuniões
Nos últimos dois dias, Mantega e sua equipe se reuniram com representantes de setores beneficiados pela redução do IPI, que apresentaram dados para convencer o governo sobre a necessidade de prorrogação da medida.

O ministro também recebeu representantes de fabricantes de máquinas e equipamentos, que também contam com redução de IPI, mas vieram pedir ao ministro medidas adicionais do governo para ajudar o setor em momento de acirramento da competição com produtos importados.

Financiamento
Mantega anunciou ainda a prorrogação de linhas de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para compra de bens de capital, dentro do chamado Programa de Sustentação do Investimento (PIS).

A linha, que tem R$ 230 bilhões em autorização para crédito, venceria no dia 31 de agosto e agora vigora até o dia 31 de dezembro de 2012.

Além disso, informou o ministro, essa linha contará com redução de juros para compra de caminhões, máquinas e equipamentos, de 5,5% para 2,5% ao ano. Ela conta com um ano de carência e prazo de 120 meses para pagamento.

Outra novidade anunciada por Mantega foi a criação de linha de financiamento para compra de bens de capital usados (caminhões, máquinas, tratores e aeronaves comerciais, entre outros). Os juros vão ser TJLP (5,5%) mais 1%, mais remuneração básica de 1,88%. Mantega também anunciou nova linha de crédito para refinanciamento, que não tem juros definidos.
 

Governo adia para esta quarta data limite para assinar acordo com grevistas

O acordo firmado entre o governo e a Condsef vai beneficiar funcionários de 18 carreiras do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo, e da Previdência, Saúde e Trabalho, também chamadas de "carreirão".
O governo federal adiou para esta quarta-feira (29) a data limite para assinatura de acordos com os servidores públicos em greve. Mas funcionários de 17 categorias ligadas à Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef) devem voltar ao trabalho na próxima segunda-feira (3).
Depois de mais de dois meses em greve, eles decidiram, nesta terça-feira, aceitar a proposta de reajuste salarial de 15,8%, divididos em três anos. O aumento das categorias ligadas à Condsef pode variar entre 14% e 37%, em alguns casos, para a corrigir distorções salariais.
Leonardo Prado
Jilmar Tatto
Para o líder do PT, Jilmar Tatto, é preciso reestruturar as carreiras de Estado.
Algumas categorias continuam em greve, como os policiais federais. Segundo o líder do PT, deputado Jilmar Tatto (SP), apesar da insatisfação dos servidores, o reajuste dado pelo governo foi o possível. Ele disse que as negociações não vão parar, mas defendeu, além dos reajustes salarias, a reestruturação do serviço público federal.
“O processo de negociação continua. Tem algumas categorias que ainda não se convenceram das dificuldades que o governo tem em dar um aumento maior, mas acho que é um processo de diálogo, que deve acontecer sempre. E precisamos fazer um grande diálogo no País, particularmente no Congresso, que é a reestruturação do Estado", defendeu.
Alcance do acordo
O acordo firmado entre o governo e a Condsef vai beneficiar funcionários de 18 carreiras do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo, e da Previdência, Saúde e Trabalho, também chamadas de "carreirão". Além dessas, vão receber aumento os servidores da Fundação Nacional de Saúde, da Fundação Nacional do Índio, do Arquivo Nacional, da Imprensa Nacional, do Museu do Índio, da Empresa Brasileira de Turismo e da Secretaria de Patrimônio da União.
O reajuste ainda beneficia os funcionários dos ministérios da Saúde, da Previdência, do Trabalho, da Cultura, da Fazenda, da Agricultura, do Planejamento, da Justiça, dos Transportes e da Integração Nacional.
Direito de greve
Reinaldo Ferrigno
Chico Alencar
Chico Alencar espera assegurar mais recursos para os servidores na lei orçamentária.
O governo já sinaliza que vai tentar regulamentar o direito de greve dos servidores públicos, que é previsto na Constituição. O líder do Psol, deputado Chico Alencar (RJ) criticou a intenção do governo de querer tratar do tema logo após o movimento grevista.
“Cheira a endurecimento em relação a essas possibilidades do direito extremo do trabalhador, que é a paralisação das atividades. Mas temos obrigação de avaliar qualquer projeto que vier para cá, sem ser a toque de caixa, sem ser imposição do Executivo sobre o Legislativo”, afirmou.
Chico Alencar ressaltou que, quando o projeto da lei orçamentária de 2013 chegar ao Congresso Nacional nesta sexta-feira (31), os parlamentares vão pode tentar garantir mais recursos para os servidores de determinadas áreas.
Reportagem - Renata Tôrres/Rádio Câmara
Edição – Maria Clarice Dias

Agricultores protestam por falta de milho no CE

A partir das 14 horas, haverá reunião na Faec com a participação dos presidentes de sindicatos rurais
Iguatu. O reduzido estoque de milho nos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e o atraso no transporte dos grãos dos centros produtores para o Ceará provocaram uma situação crítica para os criadores. Em decorrência desse quadro de desabastecimento, a Federação da Agricultura do Estado do Ceará (Faec) lança hoje um manifesto com o objetivo de sensibilizar o Governo Federal.


Ontem, houve o desembarque de uma carreta de milho para a unidade de Iguatu Foto: Honório Barbosa

A partir das 14 horas, haverá reunião na sede da Faec entre presidentes de sindicatos rurais do Estado. No encontro, serão definidas ações a serem adotadas nos próximos dias. A ideia é que os criadores façam protestos em frente aos armazéns da Conab, com a presença de animais.

"A situação é crítica e se agrava a cada dia por causa da seca registrada neste ano", observou o presidente da Faec, Flávio Saboya. A quota prevista de milho para o Ceará não está chegando. No campo, a situação é desesperadora para assegurar alimentação ao rebanho, bovino, ovino, suíno e aves. A falta de estoque de milho decorre do fato de que os caminhoneiros preferem fazer o transporte para Estados próximos às áreas de produção (Sul e Centro-Sul), pois conseguem frete de retorno, a trazer o produto para o Nordeste.

Esse seria o principal empecilho, segundo esclareceu recentemente o superintendente regional substituto da Conab, Anastácio Fontelles. Para a segunda quinzena do mês de julho, a Conab aguardava a chegada de 24.500 toneladas do grão.

O vice-presidente da Faec, Paulo Hélder Braga, questionou o fato de que empresas particulares conseguem, com facilidade, o transporte de grãos e de outros produtos do Centro-Oeste para o Ceará, enquanto a Conab alega dificuldades. "Infelizmente, o Governo não está resolvendo esse problema do transporte, e o milho anunciado para o Estado não está chegando a tempo e nem na quantidade prometida", alegou ele.

O Ceará necessita de 25 a 35 mil toneladas/mês, mas não recebe com regularidade sequer duas mil toneladas por mês. "Não faltou aviso, pois, há mais de dois meses, a gente vem alertando as autoridades sobre a situação que vinha se agravando e a demora na remessa de estoque", disse o presidente da Faec, Flávio Saboya.

O presidente da Faec esclareceu que, por diversas vezes, esteve na Conab, no Ministério da Agricultura, na Comissão da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, da Câmara Federal, e também na Sudene. "Em todos esses órgãos, apresentamos a nossa demanda por milho", frisou Saboya.

A escassez de milho traz sérios prejuízos para os criadores, que são obrigados a reduzir o número de animais. Muitos produtores estão misturando a ração do gado numa proporção reduzida que não dá para manter em boas condições o rebanho. Paulo Hélder observou que o rebanho passa fome no Interior, há queda da produção de leite e de carne porque os animais perderam peso.

Pregão

Diante do apelo dos produtores cearenses, o Governo do Estado vai pagar o frete de quatro mil toneladas, quantidade insuficiente para atender à demanda estadual. No próximo dia 6 de setembro, será realizado, na Procuradoria Geral do Estado (PGE), um pregão eletrônico para que o Governo do Estado contrate frete para o transporte de quatro mil toneladas de milho para o Ceará, produto oriundo de Porteirão, em Goiás.

Os grãos serão destinados aos oito armazéns da Conab no Ceará (Sobral, Maracanaú, Crateús, Icó, Iguatu, Russas, Juazeiro do Norte e Senador Pompeu). O frete será pago pelo Governo estadual. A ideia da Secretaria de Desenvolvimento Agrário é distribuir 500 toneladas para cada unidade armazenadora.

O milho vai atender agricultores familiares, que possuem a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), e produtores rurais para alimentar o rebanho. Para os agricultores familiares, a saca de 60 quilos será vendida a R$ 18,10 e para os demais produtores a R$ 21,00.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) assumiu o compromisso com o Ceará para que, até o fim de setembro, mais de 31 mil toneladas de milho sejam distribuídas. Os números revelam o crescimento da demanda por grãos para alimentar o rebanho no sertão do Estado. Antes da seca, a Conab só tinha cadastrado dez mil produtores rurais. Agora, são 40 mil inscritos para obtenção do milho do Programa Vendas em Balcão.

A tendência é de crescimento dos criadores inscritos para os próximos meses. Os armazéns da Conab praticamente estão vazios e há, no campo, necessidade que os grãos cheguem para alimentar o rebanho bovino, ovino, caprino e o plantel avícola.

No armazém da Conab, em Iguatu, há 200 toneladas de milho em estoque que será distribuída para as cidades de Quixelô e Acopiara nos próximos dias 4 e 5 de setembro. A unidade aguarda a chegada de duas mil toneladas do grão para o próximo dia 11, que será destinada para os produtores locais. No armazém de Icó, existem 500 toneladas em estoque. Ontem, houve o desembarque de uma carreta de milho para a unidade de Iguatu.

O superintendente da Conab no Ceará, Francisco Agenor, reconhece que há escassez do grão nas unidades da companhia. "O Ceará precisa de 50 toneladas de milho por mês, mas só recebemos duas mil", disse.

"A situação é grave e a direção do órgão em Brasília está procurando alternativa para resolver o problema o mais rápido, por meio de novos contratos de frete, realinhamento de preço, transporte por navio". Segundo Francisco Agenor, as transportadoras preferiram pagar multa contratual a trazer o milho para o Ceará, porque o valor do frete subiu nos últimos meses.

Mais informações:
Federação da Agricultura do Estado do Ceará (Faec)
Telefone: (85) 3535.8000
Superintendência da Conab no CE
Telefone: (85) 3252. 1722


HONÓRIO BARBOSAREPÓRTER

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Servidores da Justiça Eleitoral no CE decretam greve em meio às eleições

Segundo sindicato, paralisações começam na segunda-feira (3).
Servidores reivindicam reajuste salarial para cobrir inflação de seis anos.

  Do G1 CE

Servidores usaram preto para simbolizar a "morte" do resjuste salarial (Foto: Wanderson César/Arquivo pessoal)Servidores fizeram manifestação em frente à sede do TRE (Foto: Wanderson César/Arquivo pessoal)
Servidores da Justiça Eleitoral no Ceará decretaram greve na tarde desta terça-feira (28). Os servidores reivindicam um reajuste salarial, congelado desde 2006. Segundo o Sindicato dos Servidores da Justiça Eleitoral no Ceará, desde o último reajuste, a inflação supera em 40% o aumento salarial.
O governo federal ofereceu um reajuste de 15%, parcelados em três anos. "Nosso salário foi corroído e a proposta do governo pode não passar nem a inflação do ano", diz José Gentil de Holanda, da direção do sindicato da Justiça Eltiroal.
Segundo o sindicato, a paralisação dos funcionários irá começar na segunda-feira (3). Durante esta semana, os servidores trabalham normalmente. o diretor do sindicato José Gentil diz ainda que, a greve ocorrerá por tempo indeterminado e as paralisações podem afetar o calendário eleitoral.
Servidores federais de 18 categorias ligadas à Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público Federal (Condsef) decidiram nesta terça-feira aceitar a proposta de reajuste do governo e encerrar a greve, segundo informou o coordenador-geral da entidade, Josemilton da Costa. A decisão, por maioria absoluta, foi tomada em plenária que reuniu representantes dos estados.

Ligações de longa distância para DDD 11 devem ser feitas com 9º dígito

Segundo Anatel, mudança passa a valer a partir desta terça-feira (28).
Ligações locais continuarão funcionando com oito dígitos até outubro.

 

Do G1 SP
As ligações de longa distância feitas para celulares dos municípios da área com DDD 11, em São Paulo, deverão ser feitas, obrigatoriamente, com o uso do nono dígito a partir desta terça-feira (28). Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), aqueles que efetuarem chamadas com oito dígitos terão suas ligações interceptadas e receberão informações sobre a forma correta de discagem. Elas não serão mais completadas.
Os celulares com DDD 11 passaram a funcionar com o dígito 9 no início do número no dia 29 de julho. A medida  foi determinada pela Anatel para manter a oferta de novos números. Aplicativos para smartphones prometem facilitar a atualização da agenda de contatos.
De acordo com a agência, as chamadas locais para celulares continuam funcionando com apenas oito dígitos. Elas deixarão de ser completadas sem o nono dígito a partir do dia 17 de outubro. A previsão é que, em janeiro de 2013, os números sem o 9 sejam considerados inexistentes. As interceptações com avisos sobre o novo sistema estão sendo feitas de forma gradativa pelas operadoras.
O objetivo da alteração é ampliar o número de combinações. Hoje, já estão em uso ou aprovadas para a venda pela Anatel 42 milhões de linhas com DDD 11. Isso é quase a totalidade das combinações possíveis - 44 milhões. A introdução do 9 permitirá que combinações de oito dígitos hoje disponíveis apenas para linhas fixas, ou seja, iniciadas por 2, 3, 4 e 5, sejam usadas também para os celulares. No total, o número de combinações possíveis passará para 90 milhões.
A mudança vai afetar apenas números de celular. Os telefones fixos e rádios não serão alterados. A alteração é obrigatória, gratuita e a cargo de todas as operadoras.
PERGUNTAS E RESPOSTAS:
A mudança vai atingir quais usuários?Quem tiver número de celular com código 11 será afetado. São usuários que têm telefones celulares em 64 cidades da Grande São Paulo.
O nono dígito será adicionado aos números de todo o Brasil?
O processo de inclusão do nono dígito ocorre inicialmente apenas nos municípios do estado de São Paulo com DDD 11. A mudança deve ser ampliada para todo o Brasil, mas não há previsão.
VEJA COMO SERÁ A MUDANÇA
AFETADO
Todos telefones celulares com prefixo 11 ganham nono dígito. O código 11 é usado em 64 cidades da Grande SP
QUANDO
A partir de 29 de julho

CRONOGRAMA

A partir de 29 de julho
Ligações com oito dígitos ainda serão completadas.
A partir de 8 de agosto
Começa a fase de interceptação, com avisos sobre a mudança, que serão dados de forma aleatória. Operadores poderão optar por completar automaticamente a ligação após dar o aviso.
A partir de 18 de agosto
Todas as ligações feitas de fora do Estado para um DDD 11 sem o uso do nono dígito serão interceptadas e não mais serão completadas automaticamente.

A partir de 28 de agosto
Todas as ligações dentro do Estado de São Paulo para telefones de DDD 11 sem o uso do nono dígito serão interceptadas e não serão mais completadas automaticamente.
A partir de 16 de outubro
Ligações na Grande SP sem o uso do nono dígito serão interceptadas e não poderão mais ser completadas automaticamente.
A partir de 15 de janeiro
Deixam de ser emitidos avisos para todos os casos de ligações que precisam da inclusão do nono dígito.
Quando os telefones móveis no DDD 11 terão nove dígitos?A partir de 29 de julho de 2012.

Qual é a lista das cidades com código 11?
As cidades são, segundo a Anatel: Alumínio, Araçariguama, Arujá, Atibaia, Barueri, Biritiba-Mirim, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Cabreúva, Caieiras, Cajamar, Campo Limpo Paulista, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu, Embu-Guaçu, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guararema, Guarulhos, Igaratá, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itaquaquecetuba, Itatiba, Itu, Itupeva, Jandira, Jarinu, Joanópolis, Jundiaí, Juquitiba, Mairinque, Mairiporã, Mauá, Mogi das Cruzes, Morungaba, Nazaré Paulista, Osasco, Pedra Bela, Pinhalzinho, Piracaia, Pirapora do Bom Jesus, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Salesópolis, Salto, Santa Isabel, Santana de Parnaíba, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, São Roque, Suzano, Taboão da Serra, Tuiuti, Vargem, Vargem Grande Paulista e Várzea Paulista.
Os números dos telefones fixos também irão mudar?Não. Continuarão com 8 dígitos.

Os números de rádio irão mudar?
Não. Os números que são usados como terminais de rádio não irão mudar.
O usuário pode optar por não incluir o 9?Não, a mudança será automática e obrigatória.

A mudança de número custa algo?
Não, ela é gratuita e de responsabilidade das operadoras.

Será preciso incluir o nono dígito para enviar SMS?
Sim, a mudança também afeta o envio de mensagens.

Quem ligar de fixo para celular da área 11 também precisará incluir o nono dígito?Sim. Quem ligar de qualquer telefone - seja fixo ou móvel - para um telefone móvel da área 11 terá de discar o nono dígito para que a ligação seja completada.
Como serão feitas as ligações de outros estados?Da mesma forma como são feitas hoje, mas com a inclusão do nono dígito. Exemplo: 0 + código da operadora + 11 + 9XXXX-XXXX.
As ligações serão completadas caso não seja incluído o número 9?Nos primeiros dez dias, serão completadas normalmente. A partir de 8 de agosto, as ligações serão interceptadas gradualmente, e o cliente receberá um aviso sobre a mudança do número.
Quando as chamadas usando os números antigos deixam de ser completadas?As chamadas feitas para números do DDD 11 usando números com 8 dígitos não serão mais completadas 90 dias após a mudança e o assinante será orientado a usar a nova numeração. Mensagens não serão mais enviadas. O aviso deixa de ser dado em 15 de janeiro.
O cliente tem um pedido de portabilidade pendente. O que acontecerá com ele?O processo de portabilidade acontecerá normalmente.
O que irá acontecer com os créditos do cliente quando o número for mudado?O saldo dos assinantes, em créditos, nos telefones pré-pagos, não será alterado pela mudança da numeração.
Por que os números de celulares terão o nono dígito?
Para aumentar o número de combinações entre os números e, assim, aumentar o número de linhas possível. Na região do DDD 11 já existem 42 milhões de chips em uso ou já aprovados para venda (95% do possível).
Há previsão do uso de dez dígitos para números do DDD 11?Não. Com o inclusão do nono dígito, ficam liberadas para celular as combinações com oito números que hoje só são usadas para fixos e que começam com 2, 3, 4 e 5, além do número 1. Com isso, as combinações possíveis chegarão a 90 milhões. O zero após o nove não será usado inicialmente para não haver confusão com as chamadas a cobrar, que começam com o “90”.
Quando ocorreu a última mudança?Em 1998, algumas prestadoras originárias do Sistema Telebrás operavam com sete dígitos. Naquele ano, a Anatel publicou uma resolução padronizando o uso do celular no Brasil, e todas as operadores passaram a oferecer linhas com oito dígitos. A adaptação ocorreu até 2003.
As promoções feitas para conquistar clientes, como a distribuição de chips pré-pagos, é responsável por esse crescimento? É algo que deve ser mudado?A Anatel diz não ver problema nas estratégias de distribuição de chips. Ao contrário, avalia  que se enquadram na atribuição da agência de disseminar a telefonia no Brasil.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Programa incentiva o plantio de mudas de árvores nativas no Cariri


Por causa das poucas chuvas, este ano, 50% das mudas não foram plantadas. Ao todo, até o fim de 2012, serão cultivadas 100 mil de mais de 50 espécies diferentes. É para fortalecer a arborização foto: yaçana neponucena
Crato Até o próximo mês de setembro, a administração do Viveiro Municipal de Mudas estará executando ações de preparação dos substratos para o plantio das mudas de árvores nativas, frutíferas, medicinais e ornamentais. O horto florestal tenta recuperar algumas plantas nativas que entraram para a lista de espécies em extinção. Entre as quais está o Pau d´Arco, Aroeira, Braúna, Cedro e Violeta.

A colheita das sementes raras e outras variedades terá início ainda em setembro. Logo após começará o processo de fabricação das mudas.

Ao todo, até o fim deste ano, serão plantadas 100 mil mudas de mais de 50 espécies diferentes. As novas árvores deverão atender as demandas do Município em arborização, prestar apoio aos pequenos produtores de base familiar, a projetos de reflorestamentos de áreas degradadas e incentivar a educação ambiental. O Viveiro Municipal de Mudas é mantido por meio de uma parceria entre a Secretaria de Meio Ambiente, Universidade Regional do Cariri (Urca) e administração da Área de Proteção Ambiental (Apa), no qual são investidos anualmente cerca de R$ 10 mil.

As pequenas árvores são doadas aos projetos de reflorestamentos ou trocadas por sacos plásticos destinados a produção de outras mudas e equipamentos de manutenção do viveiro. Além das doações diárias, a ação mais recente do Viveiro Municipal de Mudas foi realizada durante a Semana do Meio Ambiente, onde foram repassadas à população uma grande quantidade de plantas prontas para o plantio. O horto florestal também auxiliou na recuperação da área degradada próximo às obras da Ferrovia Transnordestina e na arborização da Ceasa Cariri, para onde foram destinadas mais de 15 mil mudas.

Devido à qualidade da madeira e beleza das árvores, as espécies mais procuradas são a Sabiá, Aroeira, Pau d´Arco, Angico e as frutíferas.

Em 2012, por conta da estiagem, somente 50% das mudas produzidas foram plantadas. O gerente administrativo do Viveiro Municipal, Luiz Renato de Brito Bacurau, conta que o período mais indicado para o plantio é durante a quadra invernosa. Segundo ele, a plantação exige cuidados específicos, como o espaçamento entre as mudas, fundura das covas e adubação do terreno. "É preciso que os cultivadores sigam as instruções técnicas necessárias para o plantio correto. Se as orientações não foram postas em prática, as variedades podem não se desenvolver normalmente", revela.

O Viveiro Municipal de Mudas só aconselha o plantio em larga escala se o mesmo for realizado em áreas de irrigação ou durante o período chuvoso. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente acompanha o crescimento das árvores doadas. Devido à ampla variedade de espécies e à alta rotatividade, o viveiro tornou-se um referencial para todos os Municípios da região, além de obter notoriedade em outros Estados, como Pernambuco, Piauí e Paraíba, de onde constantemente surgem demandas por mudas.

Para adquirir unidades de mudas em pequenas quantidades, as doações são feitas diretamente aos interessados, no próprio Viveiro Municipal de Mudas. Já para quem deseja obter maiores quantidade, é preciso enviar uma solicitação à Secretaria de Meio Ambiente. O órgão analisa a proposta do projeto e sua viabilidade. A única exigência é que ele possua um caráter educativo e ou ambiental. As mudas são doadas após 120 dias da plantação das mesmas. Outro fato ainda comum é a procura por mudas de plantas medicinais. Muitas donas de casa buscam auxílio no viveiro para prepararem os conhecidos remédios caseiros, que até hoje são muito utilizados na cultura nordestina.

A colheita das sementes raras e outras variedades terá início ainda em setembro. Depois começa a fabricação das mudas

YAÇANÃ NEPONUCENACOLABORADORA
Mais informações:

Secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano; Rua 7 de Setembro, Bairro: São Miguel
Telefone: (88) 3586.8000

sábado, 25 de agosto de 2012

Investir na família


Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte
Cresce na sociedade, em seus diversos segmentos, a convicção de que é preciso investir na família, instituição que também é prioridade na missão evangelizadora da Igreja. De 12 a 18 de agosto, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) promove a Semana da Família, evento que é realizado anualmente. Trata-se de um acontecimento que merece a importante cobertura dos meios de comunicação, pelo que representa a instituição familiar no enfrentamento de graves desafios, como a superação dos alarmantes índices de violência e dos desvios na direção da dependência química.
Com seus limites próprios, em razão das vicissitudes e estreitamentos humanos, nenhuma instituição consegue contribuir tanto na formação da consciência e da assimilação de valores indispensáveis. Essa convicção há de ser assumida por quem tem sua família, particularmente aqueles que têm responsabilidade na sua condução e sustento, de maneira aguerrida, para fazer desse lugar primeiro de cada um de nós a referência amorosa mais importante.
A família tem importância e centralidade em razão de cada ser humano e no conjunto da sociedade. É na família que se aprende a conhecer o amor e a fidelidade a Deus. Não se pode abrir mão dessa escola que tem propriedades para formar e configurar o indispensável sentido de transcendência. A ausência desse sentido pode levar a incapacidades crônicas. A escola família, conforme ensina a Sagrada Escritura, possibilita aos filhos a aprendizagem das primeiras e decisivas lições, como a urbanidade, processo naturalmente sustentado e fecundado pela fidelidade conjugal e pela circulação própria do amor em família.
Por isso, a Igreja considera a família como a primeira sociedade natural, titular de direitos próprios e originários. Não se pode, é uma convicção e batalha que a Igreja assume na sua missão evangelizadora, atribuir à família um papel subalterno e secundário. Ela deve ser entendida e assumida por todos como célula vital para a sociedade. A família que nasce da íntima comunhão de vida e de amor, fundada sobre o matrimônio entre um homem e uma mulher, tem uma dimensão social própria enquanto lugar primeiro das relações sociais.
A família é a primeira escola onde se aprende a reciprocidade. No dom recíproco, por parte do homem e da mulher, unidos em matrimônio, se configura a criação do ambiente de vida no qual a criança pode nascer e desenvolver suas potencialidades, tornar-se consciente de sua dignidade e preparar-se para uma adequada participação na sociedade. Quando se pensa a ecologia humana, a família é a experiência onde se aprende as primeiras e determinantes noções acerca do bem e da verdade, exercício natural e transcendente na capacidade de amar e ser amado.
Não é uma importância apenas para o indivíduo, mas também para o contexto social onde ele está inserido e participa de maneira cidadã. A sociabilidade exercitada na instituição familiar acrescenta valores e sustentos para a sociedade, pois a família é uma comunidade de pessoas. Os ricos ensinamentos da Igreja nos seus preciosos documentos afirmam que “uma sociedade à medida da família é a melhor garantia contra toda a deriva de tipo individualista ou coletivista, porque nela a pessoa está sempre no centro da atenção enquanto fim e nunca como meio”. Este entendimento advoga o princípio de que a família é prioritária em relação à sociedade e ao Estado.
Assim, a definição de um modelo social no funcionamento da sociedade deve ter a inteligência de incluir o apoio decisivo para que a família desempenhe adequadamente suas responsabilidades. Metas e intervenções, no funcionamento social e político, não podem desconsiderar essa centralidade da instituição familiar. O Concílio Vaticano II, no Decreto Gravissimum Educationis, sublinha que essa instituição, exercendo sua tarefa educativa, contribui para o bem comum e se constitui na primeira escola das virtudes sociais. É indispensável, portanto, para a sociedade. A ciência sobre a família reúne densos capítulos que precisam ser conhecidos para inspirar mais, clarear papéis e responsabilidades. Investir na instituição familiar é contribuir para que a humanidade redesenhe horizontes: torne-se mais fraterna e solidária.
Fonte: www.cnbb.org.br

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Saúde: Corrida alerta para os danos à saúde e ambientais do tabagismo

Mil corredores estarão competindo para promover a saúde neste domingo (26), na Corrida Cearense contra o Fumo 2012, que tem o apoio da Secretaria da Saúde do Estado. A largada da prova, que integra as atividades do Dia Nacional de Combate ao Tabagismo, 29 de agosto, será às 7 horas, no anfiteatro do Parque do Cocó. Os atletas iniciam a concentração às 6 horas para a corrida em dois percursos, de 5 e 10 quilômetros. Com o tema “Respire esporte, respire vida”, a corrida pretende sensibilizar a sociedade sobre os danos físicos, sociais, econômicos e ambientais do tabagismo e também estimular a prática de esportes e os cuidados com o meio ambiente. Os vencedores das diversas categorias da prova, realizada pela Sociedade Cearense de Pneumologia e Cirurgia Torácica, receberão premiação da Secretaria da Saúde do Estado.

No Ceará, os fumantes que querem superar o vício do cigarro encontram apoio no Programa de Combate ao Tabagismo do Hospital de Messejana, referência no país no tratamento de doenças cardíacas e pulmonares e mais recentemente no Centro de Saúde do Meireles, outra unidade da Sesa. Durante a Corrida Cearense contra o Fumo 2012, pacientes da reabilitação pulmonar do HM e participantes o programa antitabagismo estarão no Parque do Cocó realizando atividades físicas. O HM também fará a entrega de certificados aos participantes do programa que completaram um ano sem fumar. Desde que foi criado, em outubro de 2002, o Programa de Combate ao Tabagismo já atendeu 2.100 pessoas. Os resultados apresentados revelam como os participantes alcançam sucesso no tratamento e conseguem abandonar o vício. A taxa de abstinência anual é de cerca de 47%.

Segundo dados da pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2011), realizado pelo Ministério da Saúde, o número de fumantes permanece em queda no Brasil. De 2006 a 2011, o percentual de fumantes passou de 16,2% para 14,8%. A incidência de homens fumantes no período 2006-2011 diminuiu a uma taxa média de 0,6 % ao ano. O Vigitel 2011 apontou que 11,8% dos brasileiros não-fumantes moram com pelo menos uma pessoa que fuma dentro de casa. Além disso, 12,2% das pessoas que não fumam convivem com algum colega fumante no local de trabalho. De acordo como o INCA, pelo menos 2,6 mil não fumantes morrem no Brasil por ano devido a doenças provocadas pelo tabagismo passivo. Realizada nas capitais, a pesquisa mostrou que 10% da população de Fortaleza é de fumantes. Em Fortaleza, o percentual da população de adultos fumantes é de 10%, segundo a pesquisa.

O tabagismo é considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável em todo o mundo e a segunda maior causa de morte, após a hipertensão. Atualmente, mata um em cada dez adultos. O número de mortes provocados pelo cigarro chega a 5 milhões por ano em todo o mundo. O tabagismo, doença provocada pela dependência da nicotina, causa também 50 diferentes doenças, entre elas as cardiovasculares, respiratórias e o câncer. No Brasil, o Instituto Nacional de Combate ao Câncer (INCA) estima que cerca de 200 mil mortes por câncer a cada ano são causadas pelo tabagismo. Chamam a atenção no país os dados a respeito de câncer de pulmão, de boca, de laringe e de esôfago. De acordo com levantamento divulgado pelo INCA, o câncer de pulmão está em terceiro lugar no ranking de incidência em mulheres, ficando atrás apenas do câncer de mama e do colo de útero. Estudos mostram que 95% dos cânceres de pulmão são desenvolvidos em pacientes com histórico de fumo.

As estatísticas revelam que os fumantes comparados aos não fumantes apresentam um risco...

- 10 vezes maior de adoecer de câncer de pulmão
- 5 vezes maior de sofrer infarto
- 5 vezes maior de sofrer de bronquite crônica e enfisema pulmonar
- 2 vezes maior de sofrer derrame cerebral

Se parar de fumar agora...

- após 20 minutos sua pressão sangüínea e a pulsação voltam ao normal
- após 2 horas não há mais nicotina no seu sangue
- após 8 horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza
- após 2 dias seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar já degusta a comida melhor
- após 3 semanas a respiração fica mais fácil e a circulação sanguínea melhora
- após 10 anos o risco de sofrer infarto do coração será igual ao de quem nunca fumou, e o risco de desenvolver câncer de pulmão cai à metade.
- após 20 anos o risco de desenvolver câncer de pulmão será quase igual ao de quem nunca fumou.

Fonte: Programa Nacional de Controle do Tabagismo/INCA/MS

24.08.2012
Assessoria de Comunicação da Sesa
Twitter: SaudeCeara

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Descubra o poder das decisões

Por Fernando Viel
Mais do que qualquer outra coisa, creio que são nossas DECISÕES, e não as CONDIÇÕES de nossa vida, que determinam nosso destino. Você sabe, e é verdade, que há pessoas que nascem com vantagens: genéticas, ambientais, familiares ou de relacionamentos. Contudo, também sabemos que constantemente conhecemos, lemos a respeito ou ouvimos falar de pessoas que, contra todas as possibilidades, projetaram-se além dos limites de suas condições ao tomarem novas decisões sobre o que fazer com suas vidas. Tornaram-se exemplos do poder sem limites do espírito humano.
Se decidirmos, você e eu podemos fazer de nossa vida um desses exemplos inspiradores. Como? Simplesmente tomando decisões, hoje, sobre como viveremos nossa vida nos anos 2020 e além. Se você não tomar decisões sobre como vai viver, então já tomou uma decisão, não é mesmo? Ou seja, decidiu se deixar dirigir pelo ambiente, em vez de moldar seu próprio destino. Toda a minha vida mudou em apenas um dia – o dia em que determinei não apenas o que gostaria de ter, ou o que queria me tornar, mas também decidi quem e o que eu estava COMPROMETIDO em ser em minha vida. É uma distinção simples, mas crítica.
Pense comigo. Há uma diferença enorme entre estar interessado e ser comprometido com alguma coisa? Pode apostar que sim! Muitas pessoas dizem coisas como: “Puxa, eu realmente gostaria de ganhar mais dinheiro!” ou “Gostaria de perder peso”. Mas esse tipo de declaração não representa, de modo algum, um compromisso. A pessoa apenas anuncia sua preferência, dizendo: “Estou interessado que isto aconteça, se não tiver de fazer nada”. Isso não é PODER, é uma oração fraca, sem qualquer fé para acioná-la. Não apenas você tem de decidir que resultados está comprometido em conseguir, como também o tipo de pessoa que está comprometido em se tornar.
Merece estabelecer e viver segundo um padrão elevado, não importa o que aconteça na vida. Mesmo quando tudo sair errado, mesmo quando chover na sua parada, mesmo que ninguém dê o apoio de que precisa, ou que a Bolsa despenque, mesmo que seu amor o abandone, ainda assim deve manter a decisão de viver sua vida no mais alto nível.
Infelizmente, a maioria das pessoas nunca faz isso por estar ocupada em inventar desculpas. A razão pela qual essas pessoas não atingiram seus objetivos ou não estão vivendo a vida de seus sonhos deve-se ao modo como seus pais as trataram, ou à falta de oportunidade na juventude, ou porque são muito velhas, ou estão jovens demais. Todas essas desculpas não são apenas limitadoras, são DESTRUTIVAS. As desculpas perpetuam a mediocridade.
Usar o poder da decisão lhe dá a capacidade de vencer qualquer desculpa e modificar qualquer parte de sua vida em um instante. Pode mudar seus relacionamentos, seu ambiente de trabalho, seu nível de saúde, seus rendimentos e seus estados emocionais. Pode determinar se está alegre ou triste, frustrado ou animado, escravizado pelas circunstâncias ou expressando sua liberdade. A decisão muda o rumo da sua vida. É em um momento de decisão que sua vida muda para sempre. E decisão significa cortar qualquer outra alternativa e entrar em ação logo em seguida. Sua vida muda no instante em que você toma uma decisão nova, coerente e empenhada. O mais extraordinário nessa força, nesse poder, é que você já o possui. O ímpeto explosivo da decisão não é algo reservado apenas a poucos eleitos, com as credenciais certas, dinheiro ou nome de família. Está disponível tanto ao trabalhador normal quanto ao presidente. Está disponível para você, agora, enquanto lê este artigo. Esse poder é seu agora. Decida fazer da sua vida uma vida inspiradora, decida fazer sua vida valer a pena e não apenas passar por ela, decida desfrutar, e não consertar sua vida, decida explodir de felicidade, e não ficar frustrado com as coisas, decida amar e jamais odiar, decida viver intensamente o agora. Decida-se, viva, grite, pule, festeje, comemore, queime, sorria adoidado e viverá de verdade. Tomar uma decisão de verdade significa se comprometer em atingir um resultado e cortar qualquer outra possibilidade.
O espírito humano é poderoso. A vontade de vencer, a vontade de obter sucesso, de moldar a própria vida, de assumir o controle só pode ser aproveitada quando você decide o que quer e crê que nenhum desafio, nenhum problema, nenhum obstáculo poderá detê-lo. Quando você decidir isso, sua vida passará a ser formulada não pelas condições, mas por suas decisões e, neste instante, ela mudará para sempre, e você poderá assumir o controle da vida. Tome uma decisão rápida. Tome uma decisão corajosa e viverá a vida dos seus sonhos.
Fernando Viel é especialista em transformação humana e coach executivo.

PARA PENSAR
“Sem lutas não haverá vitória, sem incentivo não haverá vontade” Monik Milanezi
Colaboração:
Eng. Agr. Antônio Tarciso Coelho Pinto
Gerente de Planejamento da Ematerce
Fone: Trab (85) 3101 2426 Res (85) 3249 2947
       Cel (85) 8746 3730 (85) 9922 2222

Cariri comemora o Dia do Folclore

Municípios procuram manter viva a tradição com uma programação voltada para a manifestação popular
Juazeiro do Norte A tradição popular se repete no Cariri. Os grupos saem espontaneamente para comemorar a semana dedicada ao folclore. No Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha, os cortejos acontecem hoje, nas ruas centrais da cidade. Também há manifestações por toda a região, considerada um celeiro da cultura popular no Estado.

A Semana do Folclore será encerrada com um grande cortejo pelas ruas das cidades do Crato e Juazeiro do Norte, nesta quarta-feira. Os grupos se apresentam e conquistam a população FOTO: ELIZÂNGELA SANTOS

Para o presidente da Fundação Cultural Mestre Eloi Teles de Morais, Catullo Teles, no Crato, há 12 anos que a tradição se repete sob a organização da entidade. Ele segue a trajetória do seu pai, o mestre Eloi. Segundo Catullo, essa é uma manifestação espontânea dos grupos. O cortejo no Crato acontece a partir das 16 horas, saindo do largo da RFFSA, no Centro Cultural do Araripe, finalizando na Praça da Sé, por volta das 18 horas, com a abertura da festa da padroeira do Crato e da Diocese, Nossa Senhora da Penha.

Em Juazeiro, a saída das dezenas de grupos de reisado, bandas cabaçais, maneiro-pau e outros folguedos, saindo principalmente dos bairro João Cabral, Franciscanos e Pio XII acontece desde cedo. A forte tradição religiosa dos grupos faz com que muitos busquem, após o cortejo pelas ruas principais da cidade, as igrejas como percurso final para os desfiles pela cidade, a exemplo da Basílica de Nossa Senhora das Dores e do Socorro, que este ano se encontra com a parte externa em obras. Normalmente, os grupos fazem essas apresentações também durante o Dia de Reis. Muitos se reúnem nas casas de outros mestres da cultura para comemorar a data.

A abertura da Semana do Folclore, no Crato, aconteceu com o grupo dos irmãos Aniceto, que se apresentaram de frente à Sé Catedral, no último domingo, e contou com a entrega da comenda Mestre José Aniceto. Também houve a participação do coco da Batateira e reisado Dedé de Luna. Ontem, mais cinco grupos se apresentaram.

Catullo afirma que dos 36 grupos da cidade, metade deles estará se apresentado. A semana conta também com a participação dos integrantes da Academia de Cordelistas do Crato, além dos grupos de reisado, maneiro-pau, emboladores e coco. De acordo com o presidente da Fundação, as apresentações continuam sendo realizadas no mesmo formato há 35 anos.

Na Praça da Sé, as apresentações dos grupos começam a partir das 18 horas. Nesta quarta-feira, haverá o cortejo, mas os grupos a se apresentarem na Praça da Sé são o reisado do mestre Aldenir, além do maneiro-pau do Baixio das Palmeiras. Haverá a entrega da Comenda Mestre Dedé de Luna.

Há vários anos as bandas levam às ruas da cidade a cultura dos ancestrais. Para Catullo, é um verdadeiro caldeamento que reúne as diversas etnias. "Os Aniceto, com 178 anos de tradição; o cocô da mestre Edit, com 36 anos, o reisado do mestre Dedé de Luna, com 58 anos. Tudo isso representa uma trajetória cultural, com vários elementos reunidos", diz.

Para Catullo Teles, é importante destacar a origem dos folguedos, a exemplo do reisado, de Portugal, o maneiro-pau, com elementos da cultura árabe, entre outras influências. Ele destaca a relevância da inserção das escolas no contexto de integração com os grupos, para multiplicação desse conhecimento. "Acho que o mais importante seria isso, porque não é à toa que um grupo de pessoas vem aqui e luta com uma espada. Isso tem uma história, um corredor longo de integração de culturas e raças, para que se chegue a um folguedo unido".

Segundo o presidente da Fundação, entender figuras míticas do jaraguá, burrinha, os passos do coco, tem uma origem e é a história da gente. Durante as apresentações dos grupos, é repassada de forma objetiva um pouco da história de cada grupo. "O reisado é o mais completo que nós temos", afirma, ao acrescentar a sua composição, que envolve elementos do teatro e a dança, música. Para a mestre Maria José Oliveira Luna é uma alegria estar presente desde a abertura das comemorações. Ela destaca a dificuldade que a maioria dos grupos sente em poder manter a tradição, mas que a espontaneidade para garantir a festa é o que mantém a riqueza cultural.

Mais informações:
Fundação do Folclore Mestre Eloi
Endereço: Rua Major Evangelista Gonçalves, 22
Bairro Pimenta - Crato - CE
Telefone: (88) 9299.3430

ELIZÂNGELA SANTOSREPÓRTER

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Propaganda eleitoral no rádio e na TV começa nesta terça

Programas serão exibidos todos os dias de semana, menos nos domingos.
Para primeiro turno, horário eleitoral vai até o dia 4 de outubro.

 

Do G1, em Brasília
 
Começa nesta terça-feira (21) a propaganda eleitoral no rádio e na televisão para as eleições municipais deste ano. Os programas serão veiculados obrigatoriamente em todas as cidades com mais de 200 mil habitantes que possuírem emissoras. Naquelas menores, poderá haver transmissão, desde que atendidas condições técnicas.

Para o primeiro turno das eleições (que ocorre no primeiro domingo de outubro, dia 7) o horário eleitoral vai até o dia 4 de outubro (na quinta). Nas cidades em que a disputa for para o segundo turno (com votação no dia 28 de outubro), a propaganda vai até o dia 26 de outubro.

A propaganda dos candidatos a prefeito e vice será veiculada às segundas, quartas e sextas das 7h às 7h30 e das 12h às 12h30 no rádio; e das 13h às 13h30 e das 20h30 às 21h na televisão. Já a propaganda de quem concorre a vereador vai ocorrer às terças, quintas e sábados, nos mesmos horários, segundo o fuso de Brasília.
Além das duas inserções de meia hora, partidos e coligações terão direito também a comerciais curtos ao longo da programação diária dos veículos, sem horário fixo.

Regras
Pela lei, são proibidas propagandas que degradem ou ridicularizem candidatos. A peça também não pode usar "meios publicitários destinados a criar, artificialmente, na opinião pública, estados mentais, emocionais ou passionais".

Cabe à Justiça Eleitoral decidir sobre esses casos, quando provocada por meio de representações e reclamações. As sanções variam, e vão desde a perda do direito de veicular propaganda a multas de valores variados.

A propaganda eleitoral deve sempre mencionar o partido e será feita na língua portuguesa. Na propaganda para prefeito, a coligação deve informar as siglas de todos os partidos que a compõem. O nome do candidato a vice também deve aparecer, de modo claro e legível, em tamanho não inferior a 10% do nome do titular. Na propaganda para vereador, cada partido deve usar apenas a sua sigla sob o nome da coligação.

NO COMPASSO DO PRUMO A RÉGUA FALA: PAULO ELIOMAR 70 ANOS!!!


Luiz Domingos de Luna*

Sob a luz do Grande Arquiteto do Universo, um raio fúlgido, na coroa da aurora, um novo sol se formou nos umbrais dos templários medievais, na construção de uma história, onde a rosca do tempo fechou o espaço para o sopro da vida, a criança em Aurora, e entre as colunas da existência, no selo das tábuas da sabedoria, o jovem foi polido, moldado e esculpido, numa trajetória que embora, quase sozinho, recebeu a missão para a humanização afora.

Ingressou na Sublime Ordem, um dos pioneiros a ser ungido, pelos nobres ensinamentos, para fazer fluir na cidade de Aurora. Um dos fundadores da Loja Maçônica Cavaleiros de Nova Aurora Nº 69, percorreu nas alamedas da cidade, da Cooperativa à Rua 7 de setembro, retornou ao sítio, berço natal - Recreio, ao toque da sineta, ao apito do trem uma loja foi erguida, uma comunidade cingida nos mistérios do além.

Quão grande foi à alegria que o mestre maçom, em alto e bom tom, ao som do compasso, preparou a face da nova filosofia, libertou o homem de sua agonia, na peleja da vida ainda prega, a voz da sabedoria, cidadão do mundo, irmão da vida, aliado do tempo, pureza de coração, com um luzeiro na mão, construiu sua aurora, betumou união, sem brigas, sem queixas, sem rixas, todos unidos no altar da oração.

Foi o primeiro homem a dizer não, da audácia a hipocrisia, pois a beleza de um novo dia, não pode ter distinção – Oh serena forma, por que afogara nas ondas dos templos, a sublime semente da pura união. –quem? –Nós, senão habitantes deste carrossel, fazendo no céu a nossa canção, os anjos aplaudindo, o incenso cheiroso, num mundo amoroso ligado ao divino.

“Abri senhor as portas dos mares”, numa caravela eu quero passar, conhecer o mundo na grandeza da imensidão, visitando os templários, pegado em meu rosário e cantando uma canção. Nós da Loja somos estrelas de sua galáxia, a sua sabedoria será sempre uma fumaça a rodar o universo a busca da felicidade. Oh Senhor, derramai sua graça, sobre este firmamento, rocha de cimento, canteiro da liberdade.
Dê ao homem integridade na sublime voz do pensamento, e ao querido povo de Aurora, irmãos de caminhada, na singela estrada onde mora, o pincel passageiro do tempo.

(*) Professor da Escola de Ensino Fundamental e Médio Monsenhor Vicente Bezerra – Aurora –Ceará. Email: falcaodoouradoarte@hotmail.com

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Aluno que escreve com os pés inicia curso de direito no interior do Ceará


Robson Gomes, 17 anos, sofre paralisia nas mãos e escreve com os pés.
Estudante sonha em ser juiz de direito e trabalhar com pessoas especiais.

O estudante Robson Gomes, que escreve com os pés devido a uma paralisia que afeta as mãos, iniciou nesta semana o curso de direito e diz estar "um passo mais próximo" do sonho dele, que é ser juiz de direito.
"Passar para o curso de vestibular mais concorrido da Urca [Universidade Regional do Cariri] não é fácil, requer muita educação. Agora é só eu me empenhar no curso", diz o estudante, de 17 anos. "Quando eu me formar, quero abranger essa área das cidades, para que os deficientes tenham acesso livre. Só quem está no lugar de pessoas como eu sabe a real situação do dia a dia", diz Robson.
"O Robson é uma grande alegria para todos nós. E é especial, no sentido belo da palavra, pelo esforço e pela dedicação", diz Antônio Ambrósio de Oliveira, coordenador do curso de direito da Universidade Regional do Cariri.
O garoto sofre de paralisia nas duas mãos e usa os pés para redigir e folhear o material didático. “É o mais dedicado aluno que temos", afirma o ex-professor de português Marcelo Jorge Sobreira.
A mãe, Francisca Teresa Gomes, ajuda o filho em tarefas diárias como banho e alimentação, mas nos estudos, diz ela, o jovem “faz tudo sozinho”. Desde os sete anos, Robson Gomes escreve com os pés e tem letra bonita, dizem os professores. Natural de Pernambuco, Robson e a mãe moram no Crato desde o início deste ano.
Do G1 CE, com informações da TV Verdes Mares Cariri 

domingo, 19 de agosto de 2012

Afinal, o que é o amor? – Por Roberto Shinyashiki

Afinal, o que é o amor? – Por Roberto Shinyashiki

Certamente cada um de nós, pelo menos uma vez na vida, refletiu sobre o amor. Essa energia que movimenta toda a humanidade, muito mais preciosa que o ouro, e de cuja existência às vezes se duvida. É procurada nos outros, em nós mesmos, nos livros e, quando não é encontrada, leva à dolorosa sensação de solidão. Comecemos nossa reflexão vendo o que “não é amor”. Há uma confusão muito grande entre o amor verdadeiro e um produto similar, chamado ‘amor de troca’, uma conduta usada como moeda, para dar direito a cobrar determinados comportamentos dos companheiros. Exemplo típico disso é a eterna cobrança: “Eu sempre cuidei de você, agora que preciso não o tenho comigo”. O amor é uma energia que cresce dentro de nós e nos convida a estar com o outro. Quando estamos em estado de amor, torna-se inevitável agirmos de forma amorosa. Portanto, o outro, no fundo, faz-nos um favor ao se deixar amar por nós. O amor não é um convite à infelicidade. Quando, numa relação, as pessoas se sentem amarguradas, convém refletir cuidadosamente, pois o amor é uma energia que impulsiona para a vida. Quando estamos amando alguém, sentimo-nos vivos e em sintonia com o Universo. Amar não é viver assustado, procurando adivinhar o que o parceiro quer, para obter sua aprovação, ou temendo o seu mau humor. O sentimento do amor nos dignifica e nos dá a verdadeira dimensão do nosso valor; faz-nos sentir que pertencemos à raça humana e que não somos simplesmente meros complementos um do outro. Amar não é ficar parado, como um rei, esperando que o outro, pelo fato de estar sendo amado, sinta-se devedor de nosso sentimento O amor nos proporciona uma sensação de gratidão para com a existência; um sentimento de ser abençoado pela dádiva divina. E, em retribuição, somos levados a cuidar desse amor. Amar não é simplesmente ter desejo sexual que, apesar de ser algo incrível, não é o único elemento do amor. As pessoas que vêem o amor como algo puramente genital geralmente acabam por empobrecê-lo. Amar é uma viagem a ser feita com alguém, na qual, ao mesmo tempo em que desfrutamos dessa entrega, desvendamos os mistérios que ela nos apresenta a cada momento. O amor é uma força que nos leva a enfrentar todos os nossos medos, criados desde as primeiras experiências dolorosas de aproximação. Torna-nos corajosos e ousados, prontos a desafiar o tédio e o comodismo, a enfrentar o desafio do cotidiano, sem deixá-lo transformar-se em rotina. Proporciona-nos uma postura de aprendiz, concedendo-nos a suprema compreensão de que, quando somos levados pelo impulso do amor, realizamos algo. No amor, não estamos nos submetendo ao outro, mas sim obedecendo às ordens do sábio que existe dentro de nossos corações. O amor nos dá coragem para enfrentarmos todas as mensagens negativas ouvidas na infância, do tipo “homem não presta”, “mulher é complicada”, “casamento só traz sofrimento”, que poluem nossos pensamentos. Não podemos exigir a perfeição do ser amado, pois, como diz Aristóteles: “O amor é o sentimento dos seres imperfeitos, posto que a função do amor é levar o ser humano à perfeição”. O amor é um convite a estar com o outro, porque, como diz Francesco Alberoni: “É um estado nascente de um movimento a dois; é um querer estar compartilhando alegrias e dores, problemas e soluções com o ser amado”. O amor leva-nos a respeitar a nossa própria individualidade e a do outro, pois, como diz Rajneesh: “Viver é como o ciclo respiratório. Na inspiração entra-se em contato consigo próprio, é o estar só, é o momento em que se carrega o coração de energia, é a maturação do feto, a preparação do botão de rosa. E na expiração dá-se o encontro, o desabrochar do amor, o renascimento com o outro, o ‘ser’ com o outro. A respiração não é possível sem os dois movimentos. Precisamos da inspiração tanto quanto da expiração.” O amor é a força que nos torna guerreiros, sem revolta, pois, como dizia Eric Fromm: “Amar é comprometer-se sem garantias; entregar-se completamente, com a esperança de que o nosso amor produza amor na pessoa amada”. O amor é uma viagem para dentro de nós, na busca de respostas que nos revelem o que não está certo conosco, mesmo que o outro esteja sendo desleixado com nosso amor. Porque, como dizia Antoine Saint-Exupéry: “O amor é o processo em que você me mostra o caminho de retorno a mim mesmo”. A palavra amor é muito limitada para expressar a totalidade do seu significado e, por isso, ao procurarmos conceituar o sentimento, é inevitável que o limitemos. O amor é muito mais que o encontro de dois corpos, muito mais que a união entre duas pessoas. É a própria consciência da Existência: a crença nas forças divinas, que cuidam de todo o universo e que nos levam um ao outro, com a mesma fluidez com que aproximam uma nuvem de uma montanha, que nos proporcionam uma força sobre-humana, que dão energia ao vento, ao mar e à chuva e que nos tornam grandes como pinheiros gigantescos. No amor seguimos um caminho, realizando uma história, cujo final, apesar de todo nosso conhecimento, só vamos saber quando a completarmos. A única certeza que temos é a de que o amor é uma condição inerente ao ser humano. Assim como a flor emana o seu perfume, o homem e a mulher naturalmente exalam o amor. Isso é tão inevitável quanto é impossível proibir a terra molhada de desprender o seu cheiro. Trecho do livro “Amar pode dar certo” de Roberto T. Shinyashiki e Eliana Bittencourt Dumet
Colaboração:  http://blogdaafa.blogspot.com.br/

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Missa de 7º Dia de Falecimento de Cícero Moises

Dia 18 (Sábado), as 11 horas, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Farias Brito, acontecerá a Missa de 7º Dia de falecimento de CÍCERO MOISES.
Êle que faleceu a meia noite de Sábado para Domingo passado estava com 94 anos e 4 meses de idade.
Pai de 8 filhos, sendo 5 homens e 3 mulheres.
Os homens: João e Luis, residentes no Sítio lagoa de Dentro; José residindo no distrito de São Romão, município de Altaneira, Antônio (São Paulo) e Joaquim (Estado do Acre).
As filhas: Maria, Loura e Antônia.
Cícero Moises foi pai exemplar, homem trabalhador e amigo de todos de Farias Brito.
Convidamos todos para a Missa as 11 horas de sábado que será celebrada pelo Padre Adalmiram.

Lugar da mulher

Dom José Alberto Moura
Arcebispo de Montes Claros
É de relevância e essencial o lugar da mulher na família, na Igreja e na sociedade. Onde ela falta esses organismos vão mal. Ela tem o condão outorgado por Deus para o ensino, a atitude e a prática da ternura e do equilíbrio afetivo e efetivo na convivência humana.
Deus quis depender de u’a mulher para vir de forma humana entre nós, na pessoa do Verbo Divino. Nisso ela se torna mãe de Deus, pois, o fruto de seu ventre não é um simples homem. É um ser divino-humano. Ele o prova por seu ser e agir, coroando-o com a ressurreição.
Na família a mulher é promotora da vida, na relação da afeição humana com o marido e os filhos, no amor manifestado na afetividade e sexualidade, bem como no equilíbrio do relacionamento de complementaridade com o par. Faz a relação com o homem produzir outras vidas, na transmissão da nova geração. Seus predicados femininos tornam o equilíbrio mais adequado nas relações familiares à convivência saudável com o cônjuge e os filhos. A ternura é uma de suas virtudes essenciais. Sua fé praticada a torna forte na missão e na superação dos limites de si e de seus familiares. A faz superar até o que humanamente parece insuperável. O bombardeamento e a corrosão das virtudes e do valor dela hoje trazem conseqüências danosas para todos, apesar das delícias aparentes muitas vezes apresentadas  como modernismo, ou sejam o não ter filhos, não ter parceiro estável,  não compromisso matrimonial durável e a superação de casamento sem parceria da diversidade de gênero.
Em relação à comunidade eclesial a presença feminina é substancial e básica para a convivência com os valores cristãos. Maria é Mãe da Igreja, pois, gerou sua Cabeça. Esta sem corpo não existe e vice-versa. Foi por meio dela que Jesus veio. Sem a mulher não temos geração de filhos para a Igreja, não só no sentido biológico e de números, mas na manifestação e prática da real ternura de Deus. Ela colabora indispensavelmente com a promoção da fé e da ação missionária na Igreja e na sociedade. Ela dá o toque psicológico da maternidade para o estímulo de todos no seguimento de Jesus. Seu valor é incrivelmente grande para a Igreja ser Igreja, discípula e missionária de Cristo, para a promoção da vida em todas as dimensões. Quantas santas mulheres existiram e existem, que mostram sua grandeza diante de Deus e dos seres humanos!
A mulher na sociedade faz haver vida e esperança para todos. Sem ela nem o puro laboratório artificial de geração de vida não seria capaz de popular a terra para dar sustentabilidade ao ser humano. Com seus pendores, característicos de sua identidade, ela é capaz de fazer com que o ser humano não produza só matéria, mas ternura, retidão e bondade.
O lugar no céu da Mãe de Jesus, para onde ela foi elevada ressuscitada,  é prenúncio de que é o lugar definitivo de todas as mulheres e de todos os homens que a seguem no caminho do Filho de Deus.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

A PEC DOS VEREADORES.

Apresentada pelo senador goiano Cyro Miranda, a proposta de emenda à Constituição, que pretende acabar com o salário dos vereadores em municípios de até 50 000 habitantes, chegou à Comissão de Constituição e Justiça com amplo apoio dos parlamentares.
Pelo regimento do Legislativo, uma PEC precisa ter o apoio de 27 senadores para poder tramitar. A proposta apresentada por Cyro que extingue os vencimentos de vereadores em cerca de 4 900 municípios foi além: recebeu o aval de trinta parlamentares de dezessete estados.
O fim da remuneração dos parlamentares municipais recebeu o apoio de todos os senadores das bancadas de Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Os outros senadores que assinaram a proposta do senador goiano foram:
Aloysio Nunes Ferreira  PSDB
Eduardo Suplicy PT
Álvaro Dias PSDB
Benedito de Lira  PP
Aníbal Diniz PT
Flexa Ribeiro PSDB
Inácio Arruda PT
Lobão Filho PMDB
João Vicente Claudino PTB
Alfredo Nascimento PR
Eduardo Braga PMDB
Antônio Russo PR
Delcídio do Amaral PT
Armando Monteiro PTB
Humberto Costa PT
Blairo Maggi PR
Pedro Taques  PDT
Magno Malta PR
Ricardo Ferraço PMDB
Ivo Cassol PP
Valdir Raupp PMDB

Colaboração: blogdosanharol

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Ceará tem maior índice do Nordeste no Ideb no ensino fundamental

Média do Ceará no ensino médio é de 4.2 em índices avaliados em 2011.
Índice registrado no Ceará em 2011 é o maior da região Nordeste.

André Teixeira Do G1 CE
 
Ideb Ceará CE (Foto: Editoria de Arte/G1)
O Ceará obteve 4.2 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2011, divulgado nesta terça-feira (14) pelo governo federal. O índice do estado supera a estimativa do Ceará para 2013, que é de 4.0, e chega perto da projeção estipulado pelo Ministério da Educação (MEC) para 2015, de 4.3. Os dados são referente à turma do 8º ano, a última série do ensino fundamental. Nessa série, o índice do Ceará evoluiu de 3.1 em 2005 para 4.2 em 2011.
O desempenho do Ceará é o mais alto entre os estados do Nordeste. Piauí aparece como a segunda melhor nota da região, com 4.0. A média da região Nordestina para o 8º ano é de 3.5. O estado da região com a menor nota é Alagoas, com 2.9.
A nota também coloca o Ceará com a oitava maior média do país, empatado com Rondônia, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Santa Catariana obteve a maior média no ensino fundamental, com índice 4.3.
Em relação ao índice do ensino fundamental entre 1º e 5º ano, o Ceará obteve índice 4.9, nota que também superou a projeção do MEC para 2017, que é de 4.8 para o estado. Na quarta série, o Ceará se aproxima da meta estipulada para 2019, de 5.1.
Já no ensino fundamental, que inclui primeiro, segundo e terceiro anos, o Ceará teve o menor desempenho, de 3.7 no Ideb 2011. O índice também supera a projeção feita pelo MEC para este ano, que era de 3.6.
As notas do Ideb mostram que o ensino fundamental cresceu mais que o ensino médio. Enquanto o ensino fundamental melhorou a nota de 3.2 para 4.9 entre 2005 e 2011, no ensino médio, a nota melhorou de 3.3 para 3.7, no mesmo período.
Para a professora de educação da Universidade Estadual do Ceará (Uece) Heloísa Vida, a melhora nas séries iniciais é um reflexo dos investimentos do governo do estado na educação de responsabilidade das prefeituras, até a 4º série. "É uma melhora significativa na educação inicial, mas não se pode deixar o ensino médio, senão essa geração não poderá entrar em uma universidade e está perdida", diz a professora.
A secretária de Educação do Ceará, Izolda Cela, diz que o investimento do governo do estado na educação básica é uma forma de fazer com que o aluno chegue mais preparado ao ensino médio, de responsabilidade do governo do estado. "Apesar de termos investido no ensino básico, nosso foco maior ainda é no médio, de nossa responsabilidade. Temos que investir principalmente na educação básica para que o aprendizado do aluno não ocorra de forma fragilizada. O nosso objetivo, em parceria com as prefeituras, é fazer com que todas as crianças aprendam a ler na idade certa", diz.
Para chegar ao índice, o MEC calcula a relação entre rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e desempenho na Prova Brasil, aplicada para crianças do 5º e 9º ano do fundamental e do 3º ano do ensino médio.
O Colégio Militar de Fortaleza teve a maior média entre todas as escolas do estado, com índice 6.8. A escola Osvaldo Sturdat teve média 1.3, a menor do estado. Das 100 escolas com pior índice no Ceará, 23 são de Fortaleza. O Ideb avalia 1.772 escolas no Ceará e 30.842 de todo o Brasil.

 

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Seduc abre inscrições para seleção de estagiários de nível superior

A Secretaria da Educação (Seduc) está com inscrições abertas, até o próximo dia 22 de agosto, para seleção de 96 estagiários de 21 cursos de nível superior. Os interessados devem comparecer à sede da Secretaria (Avenida General Afonso Albuquerque - Cambeba), para efetivar sua participação. As inscrições acontecem na Coordenadoria de Gestão de Pessoas (Cogep), 1º andar, Bloco A, de segunda à sexta-feira, no horário das 08 horas às 12 horas e das 13 horas às 16h30min. O edital e a ficha de inscrição estão disponíveis no site www.seduc.ce.gov.br.

O programa de estágio não obrigatório destina-se à complementação educacional e ao desenvolvimento profissional na formação escolar do estagiário. O processo seletivo será realizado em duas etapas: análise do histórico escolar e entrevista técnica e psicológica, ambas de caráter classificatório e eliminatório.

Para admissão no estágio, é necessário atender aos seguintes requisitos: estar regularmente matriculado em universidades e/ou faculdades conveniadas com a Administração Pública Estadual; ter cursado, no mínimo, 50% dos créditos do respectivo curso; e ter média geral igual ou superior a 7,0 (sete).

Os selecionados vão cumprir jornada de 20 horas semanais, durante o expediente regular de funcionamento da Seduc. Terão direito à bolsa de estágio no valor de R$ 538,37 e auxílio transporte, proporcional aos dias efetivamente estagiados.

Serviço: Inscrições para Seleção de Estagiários de Nível Superior
Data: até 22/08/2012 – de segunda a sexta-feira
Horário: das 8h às 12h e das 13h às 16h30min
Local: SEDUC/Coordenadoria de Gestão de Pessoas (Cogep), 1º andar, Bloco A.
Av. Gen. Afonso Albuquerque, s/n - Cambeba

14.08.2012
Assessoria de Imprensa da Seduc
Jacqueline Cavalcante ( jacquelinec@seduc.ce.gov.br / 85 3101.3972

Professores fazem plebiscito para decidir sobre fim da greve, no CE

Urnas estão espalhadas pela unidades acadêmicas da UFC e da Unilab. Resultado do plebiscito será homologado na quinta-feira (16).

Do G1 CE
Os professores da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) decidem nesta segunda-feira (13) e terça-feira (14), em plebiscito, se aceitam ou não a proposta do governo federal e encerram a greve. As urnas de votação estão espalhadas pela unidades acadêmicas das duas instituições, das 8h às 17h. O resultado do plebiscito será homologado em Assembleia Geral na próxima quinta-feira (16).
O presidente do Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Ceará, Marcelino Pequeno, confirmou a realização do plebiscito e disse que terá o resultado em mãos nesta terça-feira (14), por volta das 23h. "Como na quarta é feriado, homologaremos o resultado na quinta (16)", afirma. Sobre o posicionamento dos professores em relação ao plebiscito, Marcelino preferiu se manter imparcial. "Não queremos fazer prognóstico, mas estaremos prontos, na quinta-feira para homologar e fazer valer o resultado que vem das urnas", explica.
Os professores decidiram nesta quarta-feira (8) em assembleia no Restaurante Universitário, no campus do Pici, pela realização do plebiscito. A assembleia contou com a participação de 623 professores, segundo o sindicato. Os docentes das universidades federais do Ceará estão em greve desde o dia 12 de junho de 2012.
Entenda a greve
As principais reivindicações dos servidores são o aumento do piso salarial em 22,8% e a correção das pendências da carreira desde 2007. O piso atual é de R$ 1.034. O Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) ofereceu 15,8% de reajuste salarial até 2015.
O Ministério da Educação enviou na última quinta-feira (9) uma nova circular para os reitores das universidades e institutos federais reiterando que as negociações com os professores em greve está encerrada e de que não há qualquer possibilidade de reabertura.