sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Agricultores do Ceará poderão comprar milho a preços subsidiados

Por conta da estiagem, produção de milho foi prejudicada no Ceará.
Governo federal envia ao Ceará 4 mil toneladas de milho neste mês.

 

Do G1 CE
 
 
Colheita de milho neste ano será 62% maior que em 2011 (Foto: Divulgação/AENotícias)Produção de milho foi uma das mais afetadas com
a seca deste ano (Foto: AENotícias/Divulgação)
Agricultores do Ceará vão poder comprar neste mês de agosto sacas de milho com custo subsidiado pelo governo para amenizar os efeitos da seca no estado. Por conta da estiagem neste ano, que afeta 174 das 184 cidades cearenses, alguns municípios perderam até 100% da safra. O milho foi a cultura mais afetada, segundo o governo do estado. Para amenizar a falta do produto no estado, o governo federal vai enviar ao Ceará quatro mil toneladas de milho.
Os agricultores familiares com Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) poderão comprar a saca do milho por R$ 18,10. Os demais produtores poderão comprar a saca do produto por R$ 21. Os descontos chegam a 50% em relação ao preço normal do produto, segundo o governo.
O milho foi disponibilizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), por conta da estiagem que afeta a maior parte das cidades do Nordeste brasileiro.
O produto será transportado de Porteirão, em Goiás, e o frete é custeado pelo governo. As sacas de milho serão mantidas em depósitos nas cidades Crateús, Icó, Iguatu, Juazeiro do Norte, Russas e Senador Pompeu. Ainda de acordo com o governo do estado, duas mil toneladas de milho já estão a caminho do Ceará. A outra metade deve chegar até o fim do mês de agosto.
Postar um comentário